PMI industrial da Alemanha registra 60,6 pontos em setembro

O Índice Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) da indústria alemã avançou em setembro deste ano, com 60,6 pontos, segundo informações divulgadas hoje pelo instituto Markit Economics. Vale lembrar que qualquer resultado acima dos 50 pontos indica expansão do setor.

(Michele Rios - Agência IN)

PMI industrial da zona do euro marca 58,1 pontos em setembro

O índice gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor industrial dos 17 países que compõem a zona do euro ficou em 58,1 pontos em setembro deste ano, segundo informações divulgadas hoje pelo instituto Markit Economics. O resultado veio acima do mês anterior (57,4). Vale lembrar que toda marcação acima dos 50 pontos indica expansão do setor.

(Michele Rios - Agência IN)

PMI industrial do Brasil marca 50,9 pontos em setembro

Os dados de setembro indicaram que o crescimento no setor industrial brasileiro foi mantido, já que o volume de produção e a quantidade de novos pedidos continuaram a aumentar. Além disso, a melhoria persistente na demanda proveniente dos mercados tanto doméstico quanto externo estimulou as empresas a aumentarem a produção a um ritmo mais rápido em quatro meses. Contudo, os produtores de mercadorias continuaram a indicar uma preferência por níveis mais baixos de estoque. Ao mesmo tempo, a taxa de inflação de custos se intensificou, mas as pressões competitivas e as tentativas de obter novos negócios fizeram com que os preços dos produtos fossem aumentados marginalmente, apenas.

Prévia do PMI composto da zona do euro aponta alta em setembro

O índice gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) composto, medida ampla do setor privado que combina dados manufatureiros e de serviços, da zona do euro deve registrar 56,7 pontos em setembro, uma alta em relação aos 55,7 pontos registrados no mês anterior, segundo dados preliminares divulgados pelo instituto Markit Economics.

(Michele Rios - Agência IN)

PMI composto dos EUA atinge os 55,3 pontos em agosto

O índice gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) composto dos Estados Unidos registrou 55,3 pontos em agosto, ante os 56 pontos do mês anterior, segundo dados divulgados pelo instituto Markit Economics.

(MR – Agência IN)

PMI de serviços do Brasil marca 49 pontos em agosto

O setor brasileiro de serviços se aproximou mais ainda de uma estabilização em agosto, com o segundo aumento mensal consecutivo de novos trabalhos contribuindo para uma queda mais fraca no volume de produção, que foi apenas ligeira, no geral. Parte da recuperação nas cargas de trabalho foi sustentada por preços mais baixos cobrados pelas empresas, com as firmas oferecendo descontos apesar de um aumento na inflação de custo de insumos. Houve evidências de capacidade ociosa, já que os pedidos em atraso diminuíram acentuadamente apesar de outra rodada de cortes de empregos. Analisando as expectativas para o futuro, os entrevistados esperam um nível mais elevado de atividade nos próximos doze meses. Além disso, o nível de otimismo foi o mais forte desde setembro de 2016.

PMI de serviços do Reino Unido recua a 53,2 pontos

O Índice Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços do Reino Unido recuou para 53,2 pontos em agosto deste ano, abaixo dos 53,8 pontos do mês anterior, segundo informações divulgadas hoje pelo instituto Markit Economics. O resultado veio abaixo da previsão do mercado (53,5).

(Michele Rios - Agência IN)

Assinar este feed RSS