Fundos de investimentos têm resgates líquidos de R$ 48,5 bilhões em outubro

  •  
Fundos de investimentos têm resgates líquidos de R$ 48,5 bilhões em outubro Foto: Divulgação

Segundo relatório divulgado pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), os fundos de investimento tiveram resgates líquidos R$ 48,5 bilhões de 1º até 29 de outubro. O resultado é a diferença entre os R$ 605,4 bilhões aplicados e R$ 653,8 bilhões sacados pelos investidores no período.

De acordo com a entidade, entre os dias 23 e 29 de outubro, a indústria registrou saídas líquidas de R$ 31,3 bilhões. Deste montante, 92% foram retiradas dos fundos de renda fixa, totalizando R$ 28,9 bilhões, mas com R$ 17 bilhões concentrados em resgate em um único fundo.

Os FIDCs também contribuíram para as saídas com R$ 6,8 bilhões (resgate concentrado de R$ 7 bilhões), enquanto os fundos de ações tiveram retiradas de R$ 113,4 milhões, como um possível reflexo da queda de 7% do Ibovespa no período, e os cambiais de R$ 7,2 milhões.

Os multimercados lideram a captação líquida positiva com R$ 3,1 bilhões, seguidos dos ETFs (R$ 877,6 milhões), dos fundos de previdência (R$ 400,2 milhões) e dos FIPs (R$ 96,2 milhões).

Ainda segundo a Anbima, até 29 de outubro, a indústria de fundos acumula captação líquida positiva de R$ 149,4 bilhões e patrimônio líquido de R$ 5,8 trilhões.

(Redação - Investimentos e Notícias)