Atividade do comércio cai 31% no Dia das Mães, aponta Serasa

  •  
Atividade do comércio cai 31% no Dia das Mães, aponta Serasa Foto: Divulgação

Segundo dados do Indicador de Atividade do Comércio da Serasa Experian, as vendas no varejo na semana do Dia das Mães (4 a 10 de maio) registraram queda de -30,7% com relação ao mesmo período do ano passado.

 

 

A principal data comemorativa do primeiro semestre teve uma queda amarga pelo segundo ano consecutivo, de acordo com os dados da entidade. A retração deste ano se soma a queda de -1,4% que foi registrada no Dia das Mães de 2019 e representa o pior resultado desde 2003, quando se deu o início da série histórica.

Levando em conta apenas o fim de semana do Dia das Mães (8 a 10 de maio) houve queda de -30,1%, quando comparado com os dias equivalentes de 2019.

Segundo o Serasa, na cidade de São Paulo, as vendas também tiveram um desempenho negativo recorde, com queda de -26,6% levando em conta toda a semana que antecedeu o Dia das Mães. Ainda na capital paulista, o movimento no fim de semana seguiu o registrado em todo o país e teve recuo expressivo de -29,1% com relação ao ano passado.

Na avaliação do economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, "mesmo com empresários se reinventando para vender com auxílio da internet e por meio de entregas, o resultado negativo no Dia das Mães já era esperado. Em um momento em que as pessoas estão mais inseguras nos empregos e, muitas delas já se encontram com renda menor, a diminuição do consumo é consequência da falta de confiança dos brasileiros".

(Redação - Investimentos e Notícias)