Eletropay recebe proposta milionária

  •  
Eletropay recebe proposta milionária (Foto: Pexels) Eletropay recebe proposta milionária

Recentemente, a Eletropay conquistou um aporte de R$3,2 milhões em troca de 20% de participação societária feito pela investidora-anjo Camila Farani. O investimento foi o maior de todas as quatro temporadas do Shark Tank Brasil, programa de empreendedorismo do Sony Channel, exibido na sexta-feira (11). 

Para quem não conhece, a Eletropay é uma "maquininha", como é popularmente conhecida, mas com diferenciais que vão além das que já existem no mercado. Além dos recebimentos pelas vendas, o produto permite a compra e a venda das moedas digitais no próprio estabelecimento, que passa a funcionar como um “mini balcão” de negociações. "A taxa de utilização é menor do que a de outras empresas, o que favorece a aceitação pelos comerciantes e a utilização pelos clientes", afirma Saint Clair Izidoro, CEO da 3XBIT e da Eletropay Brasil - a empresa também conta com unidades de negócios na Europa, Ásia e Estados Unidos.

Izidoro explica que a ideia de se inscrever no programa surgiu quando a empresa era praticamente embrionária, com apenas três meses de formação. "Números e projeções era apenas o que tínhamos", explicou. A Eletropay tem a meta de implantar 100 mil máquinas POS em todo Brasil até o final de 2020. Para conquistar essa meta ambiciosa, a empresa apostou na estratégia de firmar parcerias com associações comerciais de importantes municípios, como Campinas e Marília, ambas localizadas no Estado de São Paulo, que já são parceiras, para garantir a aceitação de lojistas e uma rede com boa capilaridade.

O objetivo primordial de se inscrever no Shark Tank, explica Izidoro, foi o de mostrar que as criptomoedas são acessíveis ao grande público e podem fazer a diferença, facilitando a vida cotidiana. "Acreditamos no potencial revolucionário da tecnologia Blockchain, por isso nossa missão é levá-la para o mundo real. Os 'tubarões' buscam empreendedores que querem mais do que o dinheiro, por isso acho que conseguimos sair do programa com essa ótima proposta", afirma.

Vale destacar que João Appolinário, fundador da Polishop, também fez uma proposta pela Eletropay. "Ficamos muito honrados com o interesse desses dois grandes expoentes do empreendedorismo brasileiro. Optamos pela Camila Farani, mas o importante foi saber que temos portas abertas com o Appolinário e outros participantes do programa.

(Redação – Investimentos e Notícias)