Ford licencia tecnologia do cinto de segurança inflável para difusão no mercado

  •  

A Ford está oferecendo a sua tecnologia patenteada de cinto de segurança inflável para outras empresas e indústrias, incluindo as concorrentes do setor automotivo. O licenciamento tem como objetivo incentivar a adoção do equipamento, que contribui para aprimorar a segurança dos passageiros dos automóveis. A tecnologia pode ser aplicada também em outros meios de transporte, como helicópteros, aviões ou barcos, inclusive de uso militar.

ford cintoinflavel

"O compromisso duradouro da Ford com a democratização da tecnologia vai além dos nossos clientes", diz Bill Coughlin, presidente da Ford Global Technologies. "Nesse caso, a adoção mais ampla dos cintos de segurança infláveis pode tornar as viagens mais seguras e ajudar a reduzir as lesões nos passageiros em acidentes, principalmente entre as crianças e idosos."

No uso diário, os cintos infláveis funcionam como os cintos comuns. Em uma colisão, eles se abrem sobre o tronco e o ombro dos ocupantes, ajudando a distribuir as forças de impacto em uma área até cinco vezes maior que um cinto convencional. A distribuição da pressão em uma área maior reduz seu impacto sobre o peito, além de ajudar a controlar os movimentos da cabeça e do pescoço, como mostra o vídeo neste link.

O cinto de segurança inflável atualmente é disponível para os passageiros laterais do banco de trás nos modelos Ford Explorer, Flex e Fusion, além da futura F-150 e dos modelos Lincoln MKT e MKZ.

A Ford também disponibiliza para licenciamento muitas outras tecnologias patenteadas. Na área de segurança, alguns exemplos são:
Controle de estabilidade anticapotamento (Roll Stability ControlT) - o sistema monitora continuamente o movimento do veículo e sua relação com a pista com um conjunto de sensores, aplicando os freios e reduzindo a potência do motor automaticamente para ajudar a evitar uma potencial situação de capotamento;
A tecnologia "modo de sobrevivência", introduzida nas viaturas policiais Ford Police Interceptor, alerta e protege os agentes da lei de abordagens inesperadas por trás do veículo;
O sistema de aviso de uso do cinto de segurança (Ford's Belt-Minder®) dispara um som persistente para lembrar o motorista e foi apontado pela administração nacional de segurança do trânsito e pelo instituto das seguradoras dos Estados Unidos como um fator de aumento de uso do equipamento;
O sistema de alerta de "nível de atenção" do motorista atua com base na análise estatística de informações da pista coletadas pela câmera dianteira do veículo e suas mudanças de direção. Se o nível de atenção calculado cai abaixo de certo patamar (potencialmente causado pelo cansaço), dispara alertas visuais e sonoros no painel.

(Redação - Agência IN)

Mídia