Apenas 13% dos brasileiros entendem o funcionamento das criptomoedas, diz Kaspersky

O novo estudo "Território desconhecido: por que os consumidores ainda estão receosos em adotar criptomoedas?”, realizado pela Kaspersky, revelou que a falta de conhecimento e confiança são os principais fatores que impedem os consumidores de utilizarem criptomoedas. Para se ter uma ideia, embora 36% dos brasileiros possuam algum conhecimento sobre criptomoedas e haja procura por esta tecnologia, apenas 13% compreendem como é que elas funcionam.

Mais de 30% dos brasileiros não sabem se proteger na internet

Com o aumento contínuo da quantidade de dados pessoais compartilhados online, algumas pessoas estão ficando conformados e passaram a acreditar que todas as tentativas de manter sua privacidade online estão fadadas ao fracasso. Uma pesquisa recente da Kaspersky Lab revela que um terço (35%) dos brasileiros não sabe como proteger sua privacidade online, ocasionando a fadiga da privacidade - que leva ao excesso de compartilhamentos de informações nas redes sociais e à falta de atenção aos riscos básicos à segurança. No entanto, este não é o melhor momento para baixar a guarda; uma atitude despreocupada ou banal em relação à privacidade pode fazer do usuário um alvo fácil para os cibercriminosos.

Kaspersky Lab aumenta receita em 4% em 2018

Em 2018, a Kaspersky Lab continuou com um crescimento estável e, a receita IFRS global não auditada da empresa, atingiu o total de US$ 726 milhões* - um aumento de 4% em relação ao ano anterior. Durante um ano de mudanças nas condições de mercado e a contínua pressão geopolítica, a empresa conseguiu ótimos resultados em função da confiança que clientes e parceiros depositaram em suas soluções e serviços de cibersegurança reconhecidos mundialmente.

Kaspersky Lab descobre esquema de fraude para mineração de moeda criptografada

Os pesquisadores da Kaspersky Lab identificaram um esquema de fraude que distribuiu e instalou secretamente um software de mineração nos computadores de usuários por meio de softwares piratas muito usados no trabalho e no lazer (como editores de fotos e de texto). Os computadores foram então explorados para a criação de moedas criptografadas e todo o lucro obtido foi para os criminosos.

Ataques de ransomware a empresas acontecem a cada 40 segundos, mostra Kaspersky Lab

Os ataques de ransomware voltados para empresas aumentaram três vezes em 2016. Ou seja, cresceu de um ataque a cada 2 minutos, em janeiro, para um ataque a cada 40 segundos, em outubro. Já o índice de ataques individuais aumentou de um a cada 20 segundos para um a cada 10 segundos. Com o surgimento de mais de 62 novas famílias de ransomware durante o ano, essa ameaça cresceu de modo tão contundente que a Kaspersky Lab declarou o ransomware seu principal tema de 2016.

 

Campanha maliciosa no WhatsApp explora novo recurso de chamada de vídeo

Uma nova campanha maliciosa circulando no WhatsApp tem prometido o novo recurso de chamada de vídeo para usuários que ainda não o receberam. O ataque tem foco em donos de iPhone, já que o novo recurso de chamadas de vídeo já está disponível para usuários do Android. A campanha falsa envia um link para ativar o recurso: ao clicar no link, ao usuário será solicitado disseminar a mensagem para seus contatos e ao completar essa etapa, ele será direcionado para a instalação de softwares de origem duvidosa.

Assinar este feed RSS

Warning: mysqli_close(): Couldn't fetch mysqli in /home/investimentosenoticias/www/libraries/joomla/database/database/mysqli.php on line 141