Temer dá posse hoje a nove ministros

O presidente Michel Temer dará posse hoje (10) a nove ministros, no Palácio do Planalto. A reforma ministerial foi necessária, já que os ministros que pretendem disputar as eleições de 2018 precisavam deixar o governo, na chamada desincompatibilização. A posse coletiva ocorrerá às 15h.

Temer diz que Brasil enfrenta momento difícil na política

O presidente Michel Temer disse hoje (9) que o Brasil superou uma fase difícil na economia, mas enfrenta um momento difícil “sob o foco político”. Ele discursou na posse do novo presidente do Banco do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e disse que é preciso seguir adiante cumprindo rigorosamente o sistema normativo e a Constituição que garantem a estabilidade ao país.

Popularidade de Temer mantém-se estável, mostra pesquisa CNI/Ibope

A popularidade do governo do presidente Michel Temer mantém-se praticamente inalterada, segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na pesquisa CNI-Ibope, divulgada hoje (5), o percentual dos que avaliam o governo como ótimo ou bom oscilou de 6% para 5%, em comparação com a pesquisa anterior de dezembro de 2017. “As mudanças ficaram dentro da margem de erro”, explicou o gerente-executivo de Pesquisa e Competitividade da CNI, Renato da Fonseca.

Temer irá destinar R$ 1 bilhão para intervenção no Rio

O presidente Michel Temer vai destinar R$ 1 bilhão para a intervenção militar no sistema de segurança do Rio de Janeiro. A informação foi confirmada hoje (20) pela Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República. A previsão anterior do governo abrangia R$ 800 milhões.

Temer anunciará criação do Ministério de Segurança Pública

O presidente Michel Temer disse hoje (23), em Brasília, que vai anunciar a criação do Ministério Extraordinário de Segurança Pública na próxima segunda-feira (26). Ele evitou citar os nomes em estudo para assumir a pasta, mas disse que pelo menos dez já foram cogitados.

Temer diz que vetará possível transferência de controle da Embraer

O presidente Michel Temer afirmou hoje (29) que vetará a transferência do controle da Embraer para a empresa norte-americana Boeing, caso ela ocorra, conforme foi cogitado por dirigentes da empresa. “Não vamos abrir mão do controle da Embraer”, garantiu, em entrevista à Rádio Bandeirantes. Temer disse que é legítimo que a Boeing queira aumentar sua participação, mas não a ponto de ter o controle total da empresa.

Assinar este feed RSS