"Ministro do Turismo não será demitido, por enquanto”, diz Lorenzoni

  •  
"Ministro do Turismo não será demitido, por enquanto”, diz Lorenzoni Foto: Divulgação

O governo federal não irá demitir o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, pelo menos por enquanto. A afirmação foi dada, nesta quinta-feira (21), por Onyx Lorenzoni, ministro-chefe da Casa Civil, em entrevista à Rádio Gaúcha.

 

Marcelo Álvaro Antônio que foi eleito deputado federal nas eleições do ano passado é suspeito de estrar por trás de um esquema de candidaturas laranjas, em Minas Gerais.

De acordo com reportagem do jornal Folha de S. Paulo publicada no início do mês de fevereiro, o PSL, partido de Álvaro Antônio e do presidente Jair Bolsonaro, teria destinado R$ 279 mil para financiar candidatas a deputado federal que acabaram alcançando votações inexpressivas. R$ 85 mil desse total, segundo o jornal, foram destinados para empresas que pertencem a assessores ou sócios do ministro.

Ainda nesta quinta, o Marcelo Álvaro Antônio pediu para que a investigação sobre o caso, que hoje está nas mãos do Ministério Público de Minas Gerais, passe para o Supremo Tribunal Federal (STF).

(Redação - Investimentos e Notícias)