Aegea Saneamento capta R$ 155 milhões com emissão de debêntures de infraestrutura

A Aegea Saneamento, por meio de sua controlada Nascentes do Xingu, obteve R$155 milhões no mercado de capitais com a emissão de debêntures incentivadas de infraestrutura. Os recursos obtidos serão utilizados para ampliação do sistema de abastecimento de água e redução de perdas, assim como para ampliar o sistema de coleta e tratamento de esgoto das concessionárias Águas de Campo Verde S.A., Saneamento Básico Pedra Preta S.A., Águas de Primavera S.A. e Águas de Sorriso S.A., localizadas no Estado do Mato Grosso.

ROL da Sabesp totaliza R$ 907,8 milhões no 1T17

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - SABESP (BM&FBovespa: SBSP3; NYSE: SBS), uma das maiores prestadoras de serviços de água e esgoto do mundo com base no número de clientes, anunciou no último sábado (13) seus resultados referentes ao primeiro trimestre de 2017.

Nível do Cantareira saltou de 2,2% para 45,9% em um ano, diz Sabesp

No período de um ano, o Sistema Cantareira mostrou recuperação considerável em seu volume armazenado, segundo dados da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). O nível saltou de 2,2%, em 5 de janeiro do ano passado, para 45,9 % hoje (5), na medição que desconsidera o volume morto.

BNDES diz que estados privatizarão suas empresas de saneamento

Dentro do programa de concessões à iniciativa privada, pelo menos dois terços dos estados já sinalizaram que participarão com as suas empresas de saneamento. A informação é da presidente do Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Maria Silvia Bastos Marques, ao participar hoje (25) do painel “De onde viemos, onde estamos e para onde vamos”. A atividade integrou o Sustentável 2016 - 8º Congresso Internacional sobre Desenvolvimento Sustentável, que ocorreu durante todo o dia no Museu do Amanhã, na zona portuária do Rio.

Lucro líquido da Sanepar foi de R$ 209,1 milhões no 2T16

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) divulgou os resultados do segundo trimestre de 2016 (2T16). Com isso, o lucro líquido do 2T16 foi de R$ 209,1 milhões, 84,6% maior que o do 2º trimestre do ano anterior (Lucro Líquido do 2T15 R$ 113,3 milhões).

Crise hídrica pode voltar com estiagem, alerta presidente da Apecs

Apesar de o Sistema Cantareira ter alcançado níveis acima do volume morto, ele ainda pode oferecer riscos de desabastecimento de água para a Região Metropolitana de São Paulo. “A situação do principal sistema de abastecimento de São Paulo está bem melhor, é verdade, mas ainda inspira cuidados”, alerta Luiz Roberto Gravina Pladevall, presidente da Apecs (Associação Paulista de Empresas de Consultoria e Serviços em Saneamento e Meio Ambiente).

Assinar este feed RSS