Resultado operacional da Porto Seguro aumenta 22% no 1T17

No primeiro trimestre de 2017, o resultado foi impactado pelo cenário recessivo e pela queda na taxa de juros. Contudo, a Porto Seguro já vê sinais de recuperação na economia, com a inflação controlada e melhoria nos indicadores de confiança do País.

Porto Seguro tem receitas totais estáveis no trimestre

O ano de 2016 foi desafiador para a economia brasileira. A redução do consumo, em especial a queda na venda de veículos novos, e o aumento da violência pressionaram a evolução das vendas e a rentabilidade dos negócios, respectivamente. Apesar disso, a Porto Seguro cresceu nas suas principais linhas de negócio, sendo que diversos segmentos obtiveram boa performance, como os produtos de vida, patrimonial da marca Porto Seguro, odontológico, previdência, consórcio e telefonia móvel (Porto Seguro Conecta). A lucratividade da Empresa reduziu em função da queda da operação de seguros (-18%), principalmente do automóvel, porém aumentou nos negócios financeiros e de serviços (+15%).

Receitas da Porto Seguro avançam 11% no 3T16

As receitas das empresas financeiras e de serviços da Porto Seguro cresceram 11% no terceiro trimestre de trimestre de 2016 (3T16), associadas ao aumento das vendas do produto de telefonia móvel (Conecta) e dos produtos de cartão de crédito e financiamento, que retomaram o crescimento com aumento da lucratividade. O indicador de inadimplência (> 90 dias) da carteira permaneceu aproximadamente 2 p.p. menor em relação a média de mercado. No ano, o crescimento dos negócios não seguros foi de 5%.

Porto Seguro tem receita total 7% maior no 2T16

No segundo trimestre e primeiro semestre de 2016, as receitas totais da Porto Seguro evoluíram 7% e 6% respectivamente. A estratégia de expansão geográfica e diversificação de produtos têm contribuído para o incremento das vendas, a despeito da crise econômica. Por outro lado, o resultado foi prejudicado principalmente em decorrência da maior incidência de sinistros.

Porto Seguro lança empresa de investimento em ativos alternativos

A Porto Seguro anuncia o lançamento da Porto Capital, novo braço de investimentos alternativos da companhia. É a primeira gestora no mercado de growth e venture capital em uma seguradora brasileira, seguindo práticas e tendências internacionais. Esta iniciativa alinha visão de longo prazo, investimento de vanguarda, e gestão independente para gerar e capturar valor junto a empreendedores brasileiros.

Assinar este feed RSS