Paranapanema registra lucro bruto de R$ 17,7 mi no 1T20

A Paranapanema apresentou Lucro Bruto de R$17,7 milhões no 1T20 impactado pelo efeito não monetário de ajuste dos estoques em R$65 milhões e R$12 milhões de OCI.O Lucro Bruto ajustado de tais efeitos resulta em R$95 milhões e uma margem bruta de 10%.

Paranapanema anuncia leilão para venda das frações de ações

A Paranapanema anunciou que nos dias 14 e 17 de maio de 2019 realizou leilão para venda das frações de ações resultantes do grupamento aprovado nas Assembleias Gerais Ordinária e Extraordinária realizadas em 29 de março de 2019. Tendo sido a demanda insuficiente para alienação total dos lotes, a Companhia agendou um novo leilão para o dia 22 de maio de 2019. Caso não sejam alienados todos os lotes, a Companhia agendará sucessivos leilões junto à B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão até a venda da totalidade dos lotes.

Paranapanema anuncia leilão na B3

A Paranapanema anunciou que as frações de ações resultantes do grupamento aprovado pela Companhia nas Assembleias Gerais Ordinária e Extraordinária realizadas em 29 de março de 2019 foram apuradas e grupadas, e serão levadas a leilão na B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão, conforme a seguir descrito: 

Paranapanema registra EBITDA de R$ 82,7 milhões no 4T18

O ano de 2018 foi um verdadeiro divisor de águas para a Paranapanema, líder na produção de cobre refinado no Brasil. Após passar por um processo de reestruturação financeira em 2017, a companhia deu início, no ano passado, ao processo de recuperação dos principais ativos, aumentou a ocupação das fábricas e buscou novos mercados. A estratégia trouxe resultado: a empresa registrou uma receita de R$4.765,8 em 2018, crescimento de 36% em relação ao ano anterior. O EBITDA fechou em R$ 82,7 milhões, com um crescimento absoluto de R$ 297,4 milhões, quando comparado ao resultado de 2017.

Paranapanema anuncia lucro líquido de R$30,6 mi no 3T18

A Paranapanema anunciou o resultado do terceiro trimestre de 2018 (3T18). A Companhia obteve uma receita líquida de R$1.478,9 milhões com alta de 55% comparada ao 3T17 (3T17: R$955,6 milhões / 2T18: R$951,8 milhões) decorrente do aumento de 18% no volume de vendas, sendo 23% em cobre primário e 15% em produtos de Cobre.

Assinar este feed RSS