Indústria de papelão do ABC cresce 20% em agosto

Dados preliminares divulgados no último dia 8, pela ABPO - Associação Brasileira de Papelão Ondulado, confirmaram que a venda de papelão ondulado manteve-se em alta em agosto, com aumento de 1,09% se comparado ao mesmo mês de 2013, um montante de 294,6 mil toneladas. Em relação a julho de 2014, houve um marco da retomada das expedições brasileiras de chapas, placas e acessórios de papelão, com crescimento de 1,13%.

Klabin encerra 2º trimestre com EBITDA de R$ 334 milhões

Reforçando a consistência dos resultados da companhia, a Klabin reportou pelo 12º trimestre consecutivo crescimento de seu EBITDA ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), de R$ 334 milhões no segundo trimestre de 2014. Esse valor representa um aumento de 8% em comparação ao mesmo período no ano passado. No acumulado do primeiro semestre de 2014, o EBITDA foi de R$ 758 milhões, 9% acima do registrado nos seis primeiros meses de 2013.

Volume das exportações de celulose, paineis de madeira e papel registra alta no primeiro semestre de 2014

O setor brasileiro de árvores plantadas encerrou o primeiro semestre de 2014 com resultado positivo em seus principais indicadores de desempenho. Destacam-se a alta no volume de produção e de exportações de celulose, painéis de madeira e papel de janeiro a junho deste ano, em relação ao mesmo período de 2013. A receita de exportação também teve crescimento na comparação com o primeiro semestre do ano passado. 

Mercado de reciclagem de papel mantém estabilidade

Não há dúvidas de que o complexo de feiras ancorado pela ExpoSucata – Feira e Congresso Internacional de Negócios da Indústria da Reciclagem representa um setor com grande espaço para crescimento no País. Um dos maiores exemplos é a sucata ferrosa, que tem faturamento crescente desde 2012, e que gera receita bruta de R$ 1,34 bilhão/ano no Brasil. Para se ter uma ideia, a movimentação de material, nesse segmento, é de aproximadamente 300 mil toneladas/mês, e emprega 1,5 milhão de pessoas, de acordo com pesquisa da FGV. Em um universo de 48 empresas, 72% afirmam que houve expansão de rendimentos nos últimos dois anos. 

Indústria de papelão ondulado no Brasil cai 5,21% em abril

O volume de vendas de papelão ondulado no Brasil caiu 5,21% em abril de 2014, se comparado ao mesmo mês em 2013, informou a ABPO (Associação Brasileira de Papelão Ondulado). Esta queda ocorreu após os quatro primeiros meses do ano terem avançado 0,86% em vendas.

Assinar este feed RSS