Triumph cresce 11% em 2018 e projeta aumento de vendas

A Triumph Motorcycles deverá fechar o ano de 2018 com um total de, aproximadamente, 4.400 motocicletas comercializadas no varejo, o que representará um crescimento de 11% sobre as 3.949 unidades vendidas no ano passado. Além disso, a participação de mercado da marca atingiu um percentual de 13,55% das vendas dentro do seu segmento (motocicletas acima de 500 cc) no período - é a terceira maior participação alcançada pela Triumph no planeta, só perdendo para Inglaterra e Índia. Em 2017, a participação da marca já estava acima da sua média mundial, atingindo 12,8%. 'Com esse ótimo resultado, a Triumph do Brasil, assim como no ano passado, foi a subsidiária da marca que mais cresceu no mundo todo, demonstrando que o trabalho realizado pela nossa equipe e pela Rede está no caminho certo', explica Waldyr Ferreira, General Manager da Triumph no Brasil.

Produção de motocicletas deverá crescer 4,3% em 2019

A produção de motocicletas manteve a curva ascendente entre janeiro e novembro de 2018. Neste período, foram fabricadas 968.860 unidades, o que representa alta de 19% na comparação com o mesmo período do ano passado, quando saíram das linhas de montagem das fábricas instaladas no Polo Industrial de Manaus – PIM 813.868 unidades. Os dados são da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo.

  • Publicado em Economia

Produção de motocicletas cresce em setembro

De janeiro a setembro deste ano as fabricantes de motocicletas produziram 777.091 unidades, volume 19,2% superior ao mesmo período de 2017, quando saíram das linhas de produção 652.092 unidades, de acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo.

Triumph do Brasil encerra ano fiscal 2018 com maior crescimento da marca no mundo

A Triumph do Brasil fechou seu ano fiscal 2018 (1º de julho de 2017 a 30 de junho de 2018) com um volume de 4.244 motocicletas vendidas no varejo, o que representou um crescimento de 9% sobre as 3.949 unidades comercializadas no ano fiscal anterior (1º de julho de 2016 a 30 de junho de 2017). “Com este resultado, fomos a subsidiária da Triumph com o maior crescimento no mundo”, afirma Waldyr Ferreira, General Manager da Triumph no Brasil. No mundo todo, a Triumph vendeu mais de 61.000 motocicletas.

Produção de motocicletas cresce no 16,7% no 1º semestre

As fabricantes de motocicletas produziram 494.684 unidades no primeiro semestre deste ano, o que representa um avanço de 16,7% sobre o mesmo período do ano passado (423.750 unidades). Para Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, os números registrados até o momento consolidam, definitivamente, a retomada da indústria de Duas Rodas.

 

Produção de motocicletas cresce 12,2% no primeiro trimestre do ano

Resultado também foi superior na comparação mensal; em março média diária de vendas foi 3.777 unidades, alta de 7,9% sobre o mês anterior

O setor de motocicletas comemora o bom desempenho de produção no primeiro trimestre do ano. De janeiro a março, as fabricantes de motocicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) registraram avanço no volume com 259.537 unidades, alta de 12,2% sobre o mesmo período de 2017, quando foram fabricadas 231.381 motocicletas. Os dados são da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

 

Yamaha Motor marca recorde de receita anual em 2017

A Yamaha Motor Co., Ltd. anunciou na terça-feira (13) que a receita líquida aumentou em quase 61% para um recorde de 101.6 bilhões de ienes no ano fiscal de 2017 encerrado em 31 de dezembro. O enorme aumento foi impulsionado pelas vendas de produtos de alto nível e reduções de custos alcançadas através de processos avançados de fabricação e métodos de desenvolvimento aperfeiçoados para motocicletas de plataforma e modelos globais. 

Fabricantes de motocicletas iniciam 2018 com estabilidade

As fabricantes de motocicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) iniciaram 2018 com estabilidade nos volumes de produção: no primeiro mês do ano saíram das linhas de montagem 81.306 unidades, o que representa redução de apenas 0,4% na comparação com igual período de 2017 (81.646) e alta de 17,8% sobre dezembro (69.008). Os dados são da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares. A estimativa do setor é de crescimento de 5,9% no volume a ser produzido em 2018.

Assinar este feed RSS