Wall Street sobe com declarações de Trump, Dow Jones avança 0,41%

Nos Estados Unidos, a bolsa de Nova York encerrou a sessão desta sexta-feira, 25, com as ações em alta, após o presidente Trump anunciar que as negociações entre o País e a China vão por um caminho positivo.

Em Wall Street, o índice Dow Jones ganhou 0,57%, aos 26.958,06 pontos. O S&P 500 teve valorização de 0,41%, terminando o dia aos 3.022,55 pontos. Enquanto o índice composto da Nasdaq subiu 0,70%, finalizando o dia aos 8.243,12 pontos.

(Redação - Investimentos e Notícias)

Ações em Nova York recuam após decisões da UE, Dow Jones cai 0,15%

O Wall Street fechou esta terça-feira, 22, em baixa, após parlamentares britânicos rejeitarem o cronograma do governo para a ratificação do acordo de saída da União Europeia. Os índices americanos refletiram ao mau momento que vive a Europa, com investidores de olho no futuro político global.

Com isso, o Dow Jones teve queda de 0,15%, a 26.788,10 pontos, enquanto o S&P 500 recuou 0,36%, para 2.995,99 pontos, e o Nasdaq Composto cedeu 0,72%, a 8.104,30 pontos.

(Redação - Investimentos e Notícias)

Bolsa de Nova York cai no último dia da semana, DJ perde 0,95%

Nos Estados Unidos, o Wall Street recuou em mais um dia de expectativas. A bolsa americana fechou a semana com quedas em seus principais indicadores, que amargaram as notícias corporativas negativas de empresas como Johnson & Johnson (NYSE:JNJ) e Boeing. Além disso, a sessão foi de agenda econômica mista na China, onde o PIB desacelerou acima do esperado no terceiro trimestre de 2019, mas a produção industrial cresceu mais que o previsto em setembro.

Assinar este feed RSS