ENERGIA: PLD permanece fixado em R$ 505,18/MWh em todos os submercados

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 14 e 20 de julho permanece fixado no teto de R$ 505,18/MWh nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte. O principal fator para a manutenção do preço no teto é a previsão de afluências abaixo da média para todo o Sistema Interligado Nacional – SIN.

ENERGIA: PLD segue no teto em todos os submercados

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 7 e 13 de julho segue fixado em R$ 505,18/MWh nos submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte. A expectativa de afluências abaixo da média para todo o Sistema Interligado Nacional – SIN é a responsável pela manutenção do preço no valor máximo estabelecido pela Aneel para 2018.

Eletropaulo anuncia reajuste tarifário anual

A Eletropaulo anunciou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), em reunião pública da sua Diretoria, que ocorreu em 03 de julho, deliberou sobre o reajuste tarifário anual de 2018 a ser aplicado a partir de 4 de julho de 2018, aprovando um índice final de 16,40% composto por reajuste econômico de +10,47% e componente financeiro de +5,93%. 

PLD permanece em R$ 505,18/MWh em todos os submercados

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 30 de junho a 6 de julho permaneceu no teto de R$ 505,18/MWh no Sudeste, Sul, Nordeste e Norte. A manutenção da previsão de afluências abaixo da média é a responsável pela manutenção do preço máximo em todos os submercados.

Pela quarta vez, usina de Itaipu crava mais de 50 milhões de MWh no semestre

A usina de Itaipu fechou o semestre, pela quarta vez na sua história, desde quando entrou em operação, em 1984, com a produção de mais de 50 milhões de megawatts-hora (MWh). A marca de 50,16 milhões de MWh foi atingida na madrugada do último sábado, 30. Toda essa energia seria suficiente para atender a demanda de energia elétrica do planeta por 19 horas; do Brasil, por 39 dias; do Estado de São Paulo, por 4 meses e meio; ou do Estado do Paraná, por um ano e oito meses.

Leilão de transmissão da ANEEL termina com 55,26% de deságio

O leilão de transmissão nº 2/2018 negociou, ontem (28/6) na sede da B3 em São Paulo, 20 lotes com empreendimentos de transmissão de energia elétrica que propiciarão investimentos da ordem de R$ 6 bilhões. Os empreendimentos estão localizados nos seguintes estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Leilão de linhas de transmissão da Aneel é retomado

O leilão promovido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) foi retomado às 10h de hoje (28), após breve suspensão por decisão liminar. A Justiça havia decidido em favor da Jaac Materiais e Serviços, que ficou de fora do leilão por não apresentar as garantias necessárias para a sua participação. O certame ocorre na B3 (bolsa de valores), em São Paulo, e é o primeiro leilão de transmissão de energia do ano.

Assinar este feed RSS