E-commerce fatura R$1,9 bilhão no Dia das Mães em 2017, aponta Ebit

O faturamento do e-commerce no Dia das Mães, celebrado no dia 14 de maio, foi de R$1,9 bilhão, crescimento nominal de 16% ante ao mesmo período do ano passado, quando foi registrado R$1,62 bilhão. A previsão superou as expectativas da Ebit, empresa referência em informações sobre o comércio eletrônico brasileiro, que previa alta de 7% para a data. O tíquete médio também registrou elevação de 3,7%, de R$402 para R$417, enquanto o número de pedidos subiu 12%, de 4,036 milhões para 4,520 milhões.

Mercado Livre cresce 74% em receita líquida em dólares no 1T17

O Mercado Livre (Nasdaq:MELI), maior empresa de tecnologia para o comércio eletrônico da América Latina, divulgou os resultados financeiros do primeiro trimestre deste ano, finalizado em 31 de março. Segundo Stelleo Tolda, COO - (Chief Operating Officer) do Mercado Livre, os resultados positivos nesse primeiro trimestre mostram que a companhia está mantendo o mesmo ritmo de 2016, um dos melhores anos da sua história.

Vendas no e-commerce registram alta de 36,2% em março, aponta Mastercard

O mercado varejista continua a se recuperar, especialmente nas compras online, de acordo com o relatório SpendingPulse publicado pela Mastercard este mês. Enquanto o volume de vendas totais no varejo caiu 1,6% em relação a março do ano anterior, o e-commerce registrou crescimento de 36,2% no período comparado e representa maior alta desde outubro de 2012.

Dia das Mães movimentará R$1,73 bilhão no comércio eletrônico em 2017, aponta Ebit

O Dia das Mães, que neste ano será celebrado em 14 de maio, deverá movimentar R$1,73 bilhão no e-commerce, alta de 7% ante ao mesmo período em 2016, quando foi registrado R$1,62 bilhão, aponta o monitoramento da Ebit, empresa referência em informações sobre o comércio eletrônico brasileiro. O tíquete médio deverá registrar elevação de 3,5%, de R$402 para R$416. Na comparação ante ao ano passado, o número de pedidos deverá subir 3%, de 4,036 milhões para 4,155 milhões.

Venda de produtos na OLX cresce 31,9% no 1T17

9.161.33 A venda de produtos pela OLX obteve um crescimento de 31,9% no primeiro trimestre de 2017 em comparação com o mesmo período do ano anterior. No total, foram vendidos 7.128 milhões de itens no período por meio do site e aplicativo da empresa.

Preços do e-commerce caem pelo 4º mês consecutivo

Os preços do comércio eletrônico registraram deflação de 2,36% em março, na comparação com o mesmo período de 2016, aponta o Índice FIPE Buscapé. Trata-se do quarto mês seguido de deflação, após uma série de 21 meses de preços em alta. Em relação a fevereiro de 2017, os preços registraram queda de 0,76%. 

Vendas no comércio eletrônico paulista caem 1,4% ao longo de 2016, segundo FecomercioSP

O ano de 2016 foi intenso e repleto de altos e baixos para toda a economia nacional e não foi diferente para o comércio eletrônico do Estado de São Paulo. O setor iniciou o ano em baixa, com queda de 7,4% no primeiro trimestre, em relação ao mesmo período do ano anterior; já no segundo trimestre, as receitas registraram alta de 1,4%, voltando a cair no terceiro trimestre, com recuo de 6,6% na mesma base comparativa. Por fim, no 4º trimestre do ano o setor voltou a crescer, com faturamento real de R$ 5 bilhões, apontando alta de 5,7% na comparação com o quarto trimestre de 2015. No acumulado de 2016, as vendas do comércio eletrônico paulista registraram queda de 1,4% - segundo ano consecutivo de desempenho negativo no acumulado do ano.

Assinar este feed RSS