OLX registra alta na venda de bicicletas em 2017

Segundo levantamento da OLX, líder no mercado de compra e venda online no Brasil, de janeiro a setembro de 2017 foram vendidos 394 mil itens da categoria Ciclismo em todo o País, um aumento de 21% comparado ao mesmo período do ano anterior.

Deflação desacelera no e-commerce em setembro

O Índice FIPE Buscapé, que monitora os preços do comércio eletrônico brasileiro há 80 meses, aponta recuo de 4,64% em setembro, na comparação com o mesmo período de 2016. De acordo com a série histórica, trata-se da primeira desaceleração da deflação desde fevereiro de 2017. Em relação a agosto, os preços mantiveram-se praticamente estáveis, com ligeira queda de 0,04%.

Faturamento do comércio eletrônico paulista cresce 3,4%

O comércio eletrônico paulista registrou faturamento real (já descontada a inflação) de R$ 3,765 bilhões no segundo trimestre de 2017, alta de 3,4% na comparação com o mesmo período de 2016, a maior cifra para o período desde o início da série histórica, em 2013. No primeiro semestre de 2017 as vendas atingiram quase R$ 7,6 bilhões, elevação de 1,9% em relação ao ano passado. É o que aponta pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), realizada por meio do seu Conselho de Comércio Eletrônico, em parceria com a Ebit.

Preços do e-commerce caem 5,52% em julho

Os preços do comércio eletrônico recuaram 5,52% em julho, na comparação com o mesmo período de 2016, a maior queda desde março de 2013, de acordo com a medição do Índice FIPE Buscapé. Em relação a junho de 2017, os preços registraram queda de 0,42%.

Dia dos Pais movimenta R$1,94 bilhão no e-commerce

O Dia dos Pais, celebrado no último domingo (13), movimentou R$1,94 bilhão no e-commerce, alta de 10,1% ante aos R$1,76 bilhão registrados no ano passado. O número de pedidos expandiu 5,1%, de 4 milhões para 4,2 milhões, enquanto o tíquete médio foi de R$462, alta de 4,7% na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Ebit, empresa referência em informação sobre o comércio eletrônico brasileiro.

Faturamento do comércio eletrônico em SP cresce no 1T17

O comércio eletrônico paulista registrou faturamento real (já descontada a inflação) de R$ 3,8 bilhões no primeiro trimestre de 2017, alta de 0,6% na comparação com o mesmo período de 2016. Em 12 meses, o setor também acumulou crescimento de 0,6%. É o que aponta pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), realizada por meio de seu Conselho de Comércio Eletrônico, em parceria com a Ebit.

Assinar este feed RSS