Setor energético está preparado para retomada do crescimento, diz EPE

O presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Augusto Barroso, disse hoje que o setor energético está preparado para a retomada do crescimento econômico. Segundo ele, a retração da economia nos últimos anos, com queda na atividade, permitiu uma sobra de energia que dará um certo conforto energético nos próximos dois ou três anos.

 

Mercado brasileiro de tablets apresenta crescimento de 3% no 2T16

Durante o segundo semestre de 2016, o mercado de tablets voltou a apresentar taxas de crescimento em relação ao trimestre anterior, de acordo com dados do estudo IDC Brazil Tablets Tracker, realizado pela IDC Brasil líder em inteligência de mercado, serviços de consultoria e conferências com as indústrias de Tecnologia da Informação e Telecomunicações. No período, foram comercializados 860 mil equipamentos, incluindo os notebooks 2 em 1, ou seja, 3% a mais do que no primeiro trimestre.

 

Regulamentação e risco cibernético podem inibir o crescimento de empresas, aponta KPMG

A pesquisa “Panorama Global dos CEOs 2016” realizada pela KPMG elencou, por ordem de relevância, as principais preocupações dos CEOs entrevistados no levantamento e que podem inibir o crescimento das empresas: regulamentação (80%); posicionamento da empresa em termos de serviços e produtos (70%); impacto das da economia global (70%); fidelidade dos clientes (64%); influência dos millennials, a chamada geração Z (62%); tempo dispensado para pensar inovação (60%); valor e a qualidade da auditoria externa (54%); qualidade dos dados (56%); relevância dos produtos e serviços (56%); e a capacidade dos concorrentes em apropriarem-se dos negócios da organização (56%).

Indústria naval prepara-se para novo período de crescimento no país a partir de 2017

A 13ª edição da Marintec South America terminou no Rio de Janeiro com um balanço positivo e com otimismo das empresas nos segmentos naval, marítimo e offshore que participaram do evento. Entre os executivos é consenso que o setor deve experimentar uma retomada significativa a partir do próximo ano. As projeções otimistas têm como base as novas rodadas de concessão de exploração do pré-sal para a iniciativa privada, mudanças previstas nas normas de Conteúdo Local (CL) e diversificação do mercado para além das demandas da Petrobras como foco especial na competitividade internacional.

 

Unctad prevê baixo crescimento da economia global e pede ações ousadas

A economia mundial deve crescer 2,3% este ano, abaixo dos 2,5% registrados em 2014 e 2015, segundo previsão da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (Unctad). Para que a economia global volte a crescer, o órgão das Nações Unidas diz que os países precisam rever suas políticas econômicas e adotar políticas macroeconômicas mais ousadas, além de medidas industriais mais ativas. As propostas estão no Relatório sobre o Comércio e o Desenvolvimento, divulgado hoje (21) pela entidade.

Alô Bebê prevê crescimento de 5% para o Dia das Crianças

A Alô Bebê, maior rede de lojas de produtos infantis do Brasil, está otimista para as vendas no Dia das Crianças. Mesmo em um ano de recessão econômica como 2016, a megastore prevê um aumento de 5% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado.

Assinar este feed RSS