Como economizar nas compras online

Prática cada vez mais comum na vida dos brasileiros, comprar pela internet mudou conceitos e a forma como os consumidores adquirem bens de consumo. O e-commerce no país vem crescendo rapidamente ano após ano. Até o final de 2015, a expectativa é de que o setor cresça 20%, atingindo R$43 bilhões, segundo a E-bit. Isso porque as lojas online proporcionam praticidade, comodidade, rapidez na entrega e é onde se concentram os melhores preços e condições para o internauta. Sem contar que a variedade de produtos hoje em dia é muito maior na internet do que na loja física.

Homens são maiores compradores online, aponta TVxtender

Os homens se rendem ao e-commerce. São eles que têm a maior participação nas compras, representando 59% do total contra 41% das mulheres. Além disso, a classe B é responsável por 39% das transações em lojas virtuais e, logo atrás, a classe C alcança 28%. A análise regional aponta predomínio da Região Sudeste, com 47% das compras na web, seguida das regiões Sul e Nordeste, empatando com 15%.

Número de brasileiros que compram pelo celular sobe 82%

A quantidade de consumidores brasileiros que faz compras online semanalmente aumentou 25% no último ano, segundo a pesquisa Total Retail 2015, da PwC. Quando se analisa o resultado por canais, o aumento é de 82% entre os que usam celular/smartphone para comprar diariamente, semanalmente ou mensalmente, e 55% entre os que usam table

Falta de confiança impede 36% dos clientes de comprar pela internet

52% dos brasileiros com acesso móvel à Internet têm medo de baixar aplicativos e 42% citam a confiabilidade como fator mais importante na hora de escolher um aparelho móvel novo. Os dados são da pesquisa anual Global Consumer Trust Report, realizada pela AVG Technologies, empresa de segurança on-line com mais de 188 milhões de usuários ativos, em parceria com a MEF, a comunidade global para conteúdo e comércio mobile.

Confira como fazer compras online de fim de ano com segurança

Com a aproximação da época de festas de final de ano, é comum que as pessoas busquem a Internet para realizar compras de Natal e Ano Novo, fato que estimula a ação de cibercriminosos. Assim, é importante ficar atento às práticas comerciais, especialmente porque os varejistas continuam a ser uma das cinco maiores vítimas de violações de dados no mundo, de acordo com a pesquisa ISTR 2014.

Brasil recebe maior festival de compras online do mundo

O Festival de Compras 11.11 do Grupo Alibaba, a maior promoção 24 horas de compras online do mundo, se tornará global e chegará ao Brasil ainda esse ano. Pela primeira vez, os brasileiros terão acesso a mais de um milhão de produtos oferecidos por varejistas eletrônicos chineses, com grandes descontos.

Itaipu implanta processo de compras eletrônicas

Para ampliar a participação e garantir mais transparência e agilidade aos processos de compras, a Itaipu Binacional adotou, desde segunda-feira (8), o "Portal de Compras Eletrônicas”, ferramenta de internet para as aquisições nacionais e binacionais, nas modalidades de coleta de preços, pregão e compras de pequeno valor.

Modalidade permite fazer compras online sem colocar dados financeiros

Itens como facilidade, baixo preço e custo-benefício de receber a mercadoria em casa fazem com que 30% dos brasileiros sejam consumidores virtuais. No entanto, este número poderia ser maior, não fosse a desconfiança das pessoas. Muitos ficam com receio de colocar na rede seus dados financeiros e serem vítimas de clonagem, fraude, além de pagar e não receber o produto. A Loja Integrada, por exemplo, para alcançar este público, trouxe para o Brasil, em parceria com a solução de pagamento Koin, o primeiro sistema pós-pago da América Latina. Inspirado em um modelo já em funcionamento na Europa, o cliente não precisa colocar nenhum dado financeiro, uma vez que o sistema pós-pago utiliza as informações do cadastro efetuado na loja virtual.

Assinar este feed RSS