Importação de trigo deve se aquecer em 2019

O mercado de trigo inicia 2019 com mais fatores que indicam sustentação de preços do que fundamentos que resultam em pressão. Internamente, deve ser verificada maior necessidade por importação, devido à perda da qualidade da produção nacional de 2018 – agentes consultados pelo Cepea relatam, inclusive, que há trigo sendo destinado à ração animal, substituindo parte do milho.

Preços do etanol anidro e hidratado superam a safra anterior

Pesquisas do Cepea apontam que em dezembro/18, a média das semanas cheias do Indicador CEPEA/ESALQ do etanol hidratado foi de R$ 1,6666/litro, valor 1,42% maior que o das quatro semanas de novembro. Já para o anidro, o Indicador CEPEA/ESALQ recuou ligeiro 0,5% na mesma comparação, com média de R$ 1,8269/litro, considerando-se somente o mercado spot.

Preços dos derivados de leite iniciam o ano em alta

As cotações dos derivados lácteos permaneceram em alta no início de 2019. Entre 2 e 4 de janeiro, os preços médios do leite UHT e do queijo muçarela fecharam em R$ 2,3576/litro e R$ 16,8854/kg, respectivamente, aumentos de 4,42% e 1,78%, na mesma ordem. De acordo com colaboradores do Cepea, esse cenário é reflexo do preço do leite no campo e da disputa dos laticínios pela compra do produto.

AGRONEGÓCIO:Tamanho da oferta de mandioca e preços baixos preocupam agentes

Segundo pesquisadores do Cepea, 2019 deve ser de incertezas quanto à quantidade ofertada de mandioca, visto que, em 2018, produtores optaram pela colheita de lavouras de um ciclo. Assim, são poucas as lavouras de dois ciclos para este ano. Muitos produtores voltaram a investir na cultura em 2018. Apesar de as cotações de raiz de mandioca terem cedido mais de 50% no ano passado, ainda eram atrativas.

AGRONEGÓCIO: Oferta de milho deve aumentar na safra 2018/19

A oferta de milho deve subir na temporada 2018/19 no Brasil, devido aos maiores patamares de preços do cereal nos últimos meses e ao rápido semeio da soja na primeira safra, que favorecerá o cultivo da segunda temporada de milho. Assim, de acordo com informações do Cepea, os excedentes internos devem aumentar, mesmo com o maior consumo, o que pode pressionar as cotações.

AGRONEGÓCIO: Demanda deve sustentar preços da laranja

Os preços da laranja devem ser novamente positivos aos produtores no estado de São Paulo e no Triângulo Mineiro na safra 2019/20, mesmo com a maior produção. Produtores consultados pelo Cepea estão confiantes de que a temporada seja positiva, fundamentados no clima favorável ao desenvolvimento das plantas durante as floradas e fixação dos chumbinhos.

Perspectivas são positivas para avicultura em 2019

Depois de um ano de desafios para o setor, agentes aguardam recuperação em 2019, segundo informações do Cepea. As perspectivas positivas estão baseadas nas possíveis menor pressão dos principais insumos utilizados na atividades (milho e farelo de soja) e na intensificação do escoamento da carne de frango aos mercados internacional e brasileiro. 

Assinar este feed RSS