Focus mostra PIB em -3,44% em 2016

Divulgado nesta segunda-feira, 27, pelo Banco Central (BC), o boletim Focus, apontou divergências na projeção dos analistas do mercado financeiro para o desempenho da economia brasileira em 2016 e 2017.

Transações correntes apresentaram superávit de US$1,2 bi em maio

Em maio, as transações correntes apresentaram superávit de US$1,2 bilhão, acumulando, nos últimos doze meses, déficit de US$29,5 bilhões, equivalente a 1,70% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo dados do Banco Central (BC). Na conta financeira, as concessões líquidas superaram as captações líquidas em US$1,7 bilhão, destacando-se o ingresso líquido de US$6,1 bilhões em investimento direto no país, e a saída líquida em títulos de renda fixa negociados no mercado doméstico, US$5,3 bilhões.

Dívida externa totalizou US$ 331,4 bilhões em maio

O estoque de dívida externa bruta estimado para maio de 2016 totalizou US$331,4 bilhões, diminuição de US$3,2 bilhões em relação ao montante apurado para março de 2016, segundo dados do Banco Central (BC). Na posição de maio, a dívida externa estimada de longo prazo atingiu US$270,9 bilhões, diminuição de US$2,4 bilhões, enquanto o endividamento de curto prazo somou US$60,5 bilhões, diminuição de US$831 milhões, nas comparações com março.

BC de olho na decisão do Reino Unido

O Banco Central do Brasil anunciou nesta sexta-feira, 24, que está monitorando continuamente os desenvolvimentos nos mercados global e doméstico em razão da decisão manifestada pelos cidadãos britânicos no plebiscito de ontem e, caso necessário, adotará as medidas adequadas para manter o funcionamento normal dos mercados financeiro e cambial.

Focus mostra PIB em -3,44% em 2016, revela BC

Divulgado nesta segunda-feira, 20, pelo Banco Central (BC), o boletim Focus, apontou divergências na projeção dos analistas do mercado financeiro para o desempenho da economia brasileira em 2016 e 2017.

IBC-Br avançou 0,03% em abril

A atividade econômica avançou 0,03% em abril com relação ao mês imediatamente anterior, na série dessazonalizada, de acordo com informações divulgadas hoje, 16, através do Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br).

Novo presidente do BC promete inflação sob controle

O novo presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, recebeu o cargo de seu antecessor na segunda-feira (13). Durante cerimônia, ele afirmou que seu objetivo principal é defender o poder de compra da moeda, ou seja, manter o custo de vida em nível baixo.

Assinar este feed RSS