Varejo brasileiro cresce 3,0% em maio

O varejo brasileiro apresentou alta de 3,0% em maio na comparação com o mesmo período de 2017, descontando a inflação que incide sobre a cesta de setores do varejo ampliado, aponta o Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA) divulgado nesta terça-feira, dia 19. Em termos nominais, número que reflete o que o varejista observa diretamente na receita das suas vendas, o indicador registrou alta de 4,6% frente ao ano anterior.

Vendas no varejo apresentam variação de 1% em abril

Em abril de 2018, o volume de vendas do comércio varejista nacional variou 1,0% frente a março, na série com ajuste sazonal, após avançar 1,1% de março para fevereiro, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Faturamento do varejo paulista cresce 7,6% em março

Em março, as vendas do comércio varejista no Estado de São Paulo cresceram 7,6%, em termos reais, em relação ao mesmo mês de 2017 e atingiram R$ 55,6 bilhões, montante R$ 3,9 bilhões superior ao apresentado um ano antes. É o maior faturamento para um mês de março desde o início da série histórica, em 2008. Com esses resultados, a variação acumulada no primeiro trimestre de 2018 foi de 6,7%, que representa um aumento de R$ 9,9 bilhões nas receitas em comparação ao mesmo período de 2017, já descontada a inflação.

Vendas do comércio crescem 0,3% em abril

O mercado varejista brasileiro manteve crescimento modesto no mês de abril. Segundo o SpendingPulse, Indicador de Varejo da Mastercard, excluindo as vendas de automóveis e materiais de construção, o volume de vendas totais do mês apresentou expansão de 0,3%, se comparado ao mesmo período de 2017. A média dos últimos três meses foi positiva, totalizando 2,3% de aumento – quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

Vendas no varejo apresentam variação de 0,3% em março

Em março de 2018, o volume de vendas do comércio varejista nacional variou 0,3% frente a fevereiro, na série com ajuste sazonal, após recuar 0,2% em fevereiro, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com isso, a média móvel trimestral teve ligeiro aumento de 0,3% frente ao trimestre encerrado em fevereiro. Na série sem ajuste sazonal, o comércio varejista cresceu 6,5% em relação a março de 2017, o maior resultado desde abril de 2014 (6,7%). Com isso, o varejo acumulou altas de 3,8% no ano e de 3,7% nos últimos 12 meses, mantendo a recuperação em curso desde outubro de 2016.

Assinar este feed RSS