Renova Energia anuncia EBITDA negativo de R$ 104,0 milhões

  •  
Renova Energia anuncia EBITDA negativo de R$ 104,0 milhões Foto: Divulgação Renova Energia anuncia EBITDA negativo de R$ 104,0 milhões

No terceiro trimestre de 2017, a Renova Energia apresentou Receita Operacional Líquida de R$ 189,2 milhões, e R$ 526,5 milhões no ano. No acumulado do ano, a receita operacional líquida foi de R$ 526,5 milhões, aumento de 49,4% em relação ao mesmo período de 2016. A variação foi causada principalmente pelo início dos contratos de mercado livre.

No terceiro trimestre de 2017, os custos gerenciáveis somaram R$ 166,7 milhões, aumento de 150,3% em relação ao mesmo período do ano anterior.

As despesas administrativas registradas no terceiro trimestre de 2017 totalizaram R$ 105,4 milhões, apresentando aumento de 277% em relação ao terceiro trimestre de 2016. No acumulado do ano, as despesas administrativas totalizaram R$ 154,8 milhões, representando um aumento de R$ 107,6 milhões em relação ao mesmo período de 2016.

As receitas financeiras foram 103,5% do que o mesmo trimestre do ano anterior, devido ao reconhecimento da variação cambial positiva dos valores depositados em dólares em escrow accounts.

O resultado financeiro líquido da Companhia no terceiro trimestre de 2017 foi negativo em R$ 121,1 milhões e no acumulado do ano, foi negativo em R$ 377,3 milhões, aumento de 42,7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

No terceiro trimestre de 2017, o EBITDA da Companhia foi negativo em R$104,0 milhões e o EBITDA ajustado foi de R$ 1,3 milhão. A redução do valor do EBITDA ajustado no trimestre deve-se à venda do Alto Sertão II e ao EBITDA menor da comercializadora.

O patrimônio líquido encerrou o trimestre em R$ 1.718,8 milhões e a variação negativa de R$239,0 milhões em relação ao 2T17 se deve ao prejuízo no 3T17.

(Redação - Investimentos e Notícias)