Petróleo fecha em alta em Nova York, a US$ 107,26 o barril

  •  
Fechamento do petróleo Foto: Divulgação Fechamento do petróleo

O petróleo subiu em Nova York na sexta-feira pela persistência das tensões e da violência no Iraque e por fatores técnicos.

O barril de "light sweet crude" (WTI) para entrega em julho avançou 83 centavos, a US$ 107,26 no New York Mercantile Exchange(Nymex).

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte para entrega em agosto fechou a US$ 114,81 no Intercontinental Exchange (ICE), em uma queda de 25 centavos em relação ao fechamento de quinta-feira.

Na quarta-feira, o Brent alcançou o nível mais alto desde setembro de 2013, a US$ 115,71.

"A situação no Iraque não melhora. E a decisão do presidente Obama de enviar 300 conselheiros militares para ajudar o Exército iraquiano a enfrentar a vasta ofensiva lançada em 9 de junho por rebeldes islamistas deixa os investidores nervosos", de acordo com Robert Yawger, da Mizuho Securities USA.

Segundo maior produtor da Opep, o Iraque tem 11% das reservas conhecidas no mundo e produz cerca de 3,4 milhões de barris de petróleo por dia.

Os investidores temem que os insurgentes controlem regiões no sul do país, onde está a maior parte da infraestrutura petroleira.

Os preços do WTI subiram por razões técnicas. Segundo o analista independente Andy Lipow, o avanço ocorreu por causa da expiração do contrato para entrega em julho.

(Redação com AFP - Agência IN)