Petróleo fecha a US$ 106,36 em Nova York

  •  
Fechamento do petróleo Foto: Divulgação Fechamento do petróleo

O barril do petróleo fechou em baixa nesta terça-feira em Nova York em um mercado que espera um aumento das reservas de petróleo bruto nos Estados Unidos e que observa a situação cada vez mais caótica do Iraque.

O barril de "light sweet crude" (WTI) para entrega em julho recuou 54 centavos a 106,36 dólares no New York Mercantile Exchange (Nymex).

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte fechou com alta de 51 centavos a 113,45 dólares, maior nível desde 9 de setembro de 2013.

O mercado americano se posiciona antes de o registro semanal de reservas do Departamento de Energia (DoE) ser divulgado na quarta-feira. "Espera-se uma alta", disse Carl Larry, da Oil Outlook and Opinions.

Os operadores realizaram lucros, após terem ganhado com as altas dos últimos dias.

"A situação no Iraque segue tensa, mas a maioria da produção petroleira está no sul do país e, no momento, parece fora de perigo", explicou Bob Yawger, da Mizuho Securities.

"É pouco provável que os rebeldes sunitas consigam controlar esses territórios onde não têm apoio e que estão controlados pela população xiita", acrescentou.

Quando o mercado tiver digerido as cifras sobre as reservas nos Estados Unidos, "voltará ao movimento de alta" devido à situação cada vez mais caótica no Iraque, que produz 3,3 milhões de barris diários de petróleo, avaliou Carl Larry.

De acordo com o especialista, a instabilidade pode provocar a fuga de capitais estrangeiros, importante para o processo de exportação.

(Redação com AFP - Agência IN)