Lucro líquido do Bradesco cresce 11,1% em 2017

  •  
Lucro líquido do Bradesco cresce 11,1% em 2017 (Foto: Divulgação) Lucro líquido do Bradesco cresce 11,1% em 2017

O Lucro Líquido Recorrente do Banco Bradesco foi de R$ 19,024 bilhões no exercício de 2017 (aumento de 11,1% em relação ao Lucro Líquido Recorrente de R$ 17,121 bilhões do exercício de 2016), correspondendo a R$ 3,13 por ação e rentabilidade de 18,1% sobre o Patrimônio Líquido Médio Ajustado.

Quanto à origem, o Lucro Líquido Recorrente é composto por R$ 13,490 bilhões provenientes das atividades financeiras, correspondendo a 70,9% do total, e por R$ 5,534 bilhões gerados pelas atividades de seguros, previdência e capitalização, representando 29,1% do total.

A Carteira de Crédito Expandida, em dezembro de 2017, atingiu R$ 492,931 bilhões, com redução de 4,3% em relação ao saldo de dezembro de 2016. As operações com pessoas físicas totalizaram R$ 175,469 bilhões (crescimento de 2,0% em relação a dezembro de 2016), enquanto as operações com pessoas jurídicas atingiram R$ 317,462 bilhões (redução de 7,4% em relação a dezembro de 2016).

Aos acionistas foram pagos e provisionados, a título de Juros sobre o Capital Próprio, R$ 7,204 bilhões relativos ao lucro gerado no exercício de 2017, sendo R$ 2,384 bilhões pagos na forma de mensais e intermediários, e R$ 4,820 bilhões provisionados.

A Margem Financeira de Juros atingiu R$ 62,775 bilhões, no exercício de 2017, apresentando queda de 0,5% em relação ao exercício de 2016.

O Índice de Inadimplência superior a 90 dias encerrou dezembro de 2017 em 4,7%, queda de 0,8 p.p. em comparação ao índice de dezembro de 2016.

O Patrimônio Líquido, em dezembro de 2017, somou R$ 110,457 bilhões, 10,0% superior a dezembro de 2016. O Índice de Basileia III, apurado com base no Conglomerado Prudencial, registrou 17,1%, sendo 13,1% de Capital Nível I.

Para finalizar, em 31 de dezembro de 2017, o valor de mercado do Bradesco era de R$ 200,521 bilhões, apresentando evolução de 24,7% em relação a dezembro de 2016.

(Redação – Investimentos e Notícias)