Lucro das seguradoras cresce 23%

  •  
Lucro das seguradoras cresce 23% Foto: Divulgação

Apesar do cenário econômico brasileiro estar desfavorável, com dados abaixo da expectativa, o mercado de seguros conseguiu registrar números positivos nos primeiros cinco meses do ano. A última edição da Carta de Conjuntura do Setor de Seguros, produzida pelo Sindicato das Empresas de Seguros e Resseguros (SindsegSP) e pelo Sindicato de Empresários e Profissionais Autônomos da Corretagem e da Distribuição de Seguros do Estado de São Paulo (Sincor-SP), confirma o avanço.

Segundo o estudo, as empresas do setor registraram um crescimento de 23% na lucratividade entre janeiro e maio, passando de R$ 7,4 bilhões em 2018 para R$ 9 bilhões neste ano. O setor de resseguros também teve resultados positivos nos cinco primeiros meses do ano, quando registrou lucro de R$ 500 milhões, representando um avanço de 45%.

'São números animadores, que mostram uma evolução consistente do mercado segurador. Mas, diante de um cenário econômico ainda incerto no País, com uma contínua diminuição nas expectativas de aumento do PIB, manter esse patamar de crescimento no próximo semestre pode ser mais desafiador', aponta o relatório.

Na separação por ramo de seguro, o de pessoas continua sendo destaque, já que conseguiu registrar avanço de 16%, com faturamento de R$ 17,4 bilhões no período. Os ramos elementares tiveram crescimento de 5% na comparação entre 2018 e 2019, faturando R$ 30,4 bilhões.

'A pergunta que se pode fazer é se a evolução de 2019 poderá ser mantida, caso haja diminuição na taxa de crescimento de receita do setor. Ou seja, isso depende fortemente da evolução da economia como um todo', diz o estudo.

(Redação - Investimentos e Notícias)