Linx anuncia aquisição do grupo latino-americano Synthesis

  •  
Linx anuncia aquisição do grupo latino-americano Synthesis Foto: Divulgação Linx anuncia aquisição do grupo latino-americano Synthesis

A Linx, líder em software de gestão para o varejo, anuncia a aquisição de 100% do Grupo Synthesis. A empresa atua no desenvolvimento e comercialização de softwares de automação de ponto de venda (POS), soluções para meios de pagamento eletrônico (TEF) e motor de promoções para grandes cadeias varejistas. 

Fundada em Buenos Aires, a Synthesis é referência do segmento na América Latina. A empresa tem clientes no México, Argentina, Chile, Uruguai, Colômbia, Panamá, Peru, Equador, El Salvador, República Dominicana e Porto Rico. Nos últimos 12 meses, seu faturamento bruto foi de US$ 7 milhões.

A operação foi efetuada pelo valor de US$16.300.000,00, à vista, mas caso atinja metas financeiras e operacionais, a Linx poderá pagar o valor de até US$9.500.000,00 nos próximos três anos. Por consequência, o negócio permitirá que a Linx aumente significativamente seu mercado potencial, antes restrito ao Brasil. A partir de agora, a companhia abrangerá a América Latina.

'Estamos otimistas com o nosso primeiro passo rumo à expansão internacional, que visa aumentarmos consideravelmente nosso mercado potencial. Esta expansão vem sendo planejada desde o IPO da Companhia, em 2013. Em setembro de 2016, captamos R$ 450 milhões no follow on, justamente para realizar aquisições. Esse é mais um passo do cumprimento desse compromisso', explica Alberto Menache, Presidente da Linx. 'Hoje, a Linx é uma empresa robusta, tanto em processos internos, como em governança. Já realizamos 22 aquisições no Brasil, nossos resultados crescem gradativamente. A empresa reúne aspectos fundamentais para alcançar esse significativo patamar', conclui Menache.

'A Synthesis tem uma carteira de clientes composta pelas maiores cadeias varejistas da América Latina, como Liverpool, Chedraui, Costco, Grupo Carso, YPF, Cencosud, entre outras. Não temos dúvidas que é um ótimo início para esse processo de expansão. Essa aquisição, inclusive, também tem como objetivo apoiar os clientes brasileiros da Linx em sua internacionalização', afirma Jean Klaumann, vice-presidente de Operações da Linx.

(Redação - Agência IN)