Latam Airlines entra com pedido de recuperação judicial nos EUA

  •  
Latam Airlines entra com pedido de recuperação judicial nos EUA (Foto: Pexels) Latam Airlines entra com pedido de recuperação judicial nos EUA

Nesta terça-feira, 26, a Latam Airlines anunciou que irá entrar com pedido de recuperação judicial nos Estados Unidos. De acordo com comunicado, a companhia e afiliadas no Chile, Peru, Colômbia, Equador e Estados Unidos solicitaram "proteção voluntária pelo processo de reorganização financeira previsto no Capítulo 11 da lei dos EUA". Já as operações do grupo no Brasil, Argentina e Paraguai não entram no pedido.

O comunicado destaca que a companhia implementou uma série de medidas difíceis para mitigar o impacto dessa disrupção sem precedentes no setor, mas, no fim das contas, esse caminho é a melhor opção para estabelecemos as bases certas para o futuro do nosso grupo de companhias aéreas.

De acordo com a companhia, as famílias acionistas Cueto, da LAN, e Amaro, da TAM, junto com a Qatar Airways acertaram um acordo para um financiamento de até US$ 900 milhões para o grupo latino-americano e que está aberta a outros acionistas interessados em participar em financiamento adicional, "na extensão permitida por lei". 

Vale destacar que a Latam e suas afiliadas também estão em discussões com seus respectivos governos no Chile, Brasil, Colômbia e Peru para apoio na obtenção de financiamento adicional.

Além disso, a companhia afirmou que a equipe de gestão seguirá a mesma durante o processo de recuperação e que continuará operando sem nenhum impacto nas operações de passageiros ou de cargas, reservas, vouchers ou pontos de programa de milhagens. Com informações de agências internacionais.

(Redação – Investimentos e Notícias)