Itaú Unibanco anuncia lucro líquido de R$ 12,8 bi no semestre

  •  
Itaú Unibanco anuncia lucro líquido de R$ 12,8 bi no semestre (Foto: Divulgação) Itaú Unibanco anuncia lucro líquido de R$ 12,8 bi no semestre

No primeiro semestre de 2018, o Itaú Unibanco alcançou lucro líquido recorrente de R$ 12,8 bilhões, com aumento de 3,7% em relação ao mesmo período de 2017, e a rentabilidade recorrente anualizada sobre o patrimônio líquido médio foi de 22,0%.

Os ativos totais chegaram a R$ 1,5 trilhão e os recursos próprios, captados e administrados totalizaram R$ 2,4 trilhões ao final de junho de 2018. Nessa mesma data, o Índice de Basileia era de 17,2%, demonstrando a forte posição de capital do banco. A carteira de crédito total ajustada1 atingiu R$ 623,3 bilhões ao final de junho de 2018, com aumento de 6,1% em 12 meses. 

O banco tem visto uma retomada gradual da concessão de crédito, com aumento da demanda em diversas linhas. Na comparação com o trimestre anterior, todas as carteiras de crédito apresentaram crescimento, o que resultou em alta de 3,7% da carteira total ajustada. Em junho de 2018, o banco registrou índice de inadimplência medido por créditos vencidos há mais de 90 dias de 2,8%, uma melhora de 0,4 ponto percentual em 12 meses. 

No mesmo período, a inadimplência de micro, pequenas e médias empresas apresentou melhora de 1,4 ponto percentual, de 5,1% para 3,7%, e a inadimplência de pessoas físicas no Brasil apresentou melhora de 0,7 ponto percentual, de 5,2% para 4,5%, registrando, ao final de junho de 2018, a nona melhora trimestral consecutiva. Ambos esses indicadores atingiram o menor patamar desde a fusão entre Itaú e Unibanco. 

“Apesar da redução das expectativas de crescimento econômico para 2018, a demanda por crédito continua saudável. No primeiro semestre de 2018, concedemos4 28% mais créditos para pessoas físicas e 20% mais créditos para as micro, pequenas e médias empresas em relação ao mesmo período de 2017. Essas novas safras apresentam baixa inadimplência, mantendo a tendência de melhora da qualidade de crédito da nossa carteira”, afirma Candido Bracher, presidente do Itaú Unibanco.

No primeiro semestre de 2018, as receitas de serviços e seguros somaram R$ 20,5 bilhões, com aumento de 8,2% em comparação com o mesmo período do ano anterior, como reflexo da melhora da economia e, consequentemente, do maior volume de transações, somados à oferta cada vez maior de produtos e serviços que proporcionam uma experiência completa aos clientes. 

“Temos feito um esforço contínuo para reforçar nossa vocação de prestador de serviços. Nesse trimestre, em nossa operação de seguros, replicamos a solução de plataforma aberta que já havíamos adotado em investimentos, iniciando a oferta de produtos de outras seguradoras em nossa plataforma, focados em atender as necessidades dos nossos clientes”, afirma Candido.

Por fim, o valor adicionado à economia pelo Itaú Unibanco atingiu R$ 35,7 bilhões no primeiro semestre de 2018. O montante foi distribuído entre diversos segmentos da sociedade, sendo R$ 10,1 bilhões para colaboradores por meio de remuneração, R$ 11,6 bilhões para pagamento de tributos, R$ 7,4 bilhões para o reinvestimento dos lucros na operação, R$ 5,8 bilhões para remuneração dos mais de 130 mil acionistas diretos e aproximadamente 1 milhão de acionistas indiretos5 e R$ 792 milhões para o pagamento de aluguéis.

(Redação - Investimentos e Notícias)