Inadimplência em cheque cresce entre homens no Centro-Oeste

  •  
Segundo pesquisa da MultiCrédito, o indicador subiu 30% na região Foto: Divulgação Segundo pesquisa da MultiCrédito, o indicador subiu 30% na região

A nova edição da Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Cheques, elaborada pela TeleCheque, serviço oferecido pela MultiCrédito, mostra que os homens da Região Centro-Oeste detêm o maior endividamento nesse meio de pagamento no País. Seu índice de inadimplência em setembro foi de 3,76%, valor 0,87 ponto porcentual superior ao apresentado no mês anterior (2,89%). Trata-se de um indicador 48,6% maior que o apresentado pelo sexo feminino no mesmo período, que chegou a 2,53%.

 

Os homens detiveram 37% da participação do mercado em cheque na região em setembro e o valor médio gasto em compras por eles no período foi de R$ 1.599,00. Já a inadimplência geral do Estado, compreendendo homens e mulheres, cresceu 21,7%, e o índice passou de 2,94%, em agosto, para 3,58%, em setembro.

(Redação - Agência IN)