Impostômetro da ACSP registra R$ 1,2 tri às 2h20 da manhã desta sexta-feira

  •  
O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) vai alcançar na madrugada desta 6ª-feira (26/9), às 2h20 da manhã, a marca de R$ 1,2 trilhão em tributos pagos pelos brasileiros Foto: Divulgação O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) vai alcançar na madrugada desta 6ª-feira (26/9), às 2h20 da manhã, a marca de R$ 1,2 trilhão em tributos pagos pelos brasileiros

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) vai alcançar na madrugada desta 6ª-feira (26/9), às 2h20 da manhã, a marca de R$ 1,2 trilhão em tributos pagos pelos brasileiros para União, Estados e Municípios.

Em 2013, o valor foi registrado somente dia 12 de outubro, o que aponta aumento da carga tributária.

"Não bastasse o nível absurdamente elevado dessa carga, o sistema tributário brasileiro representa entrave ao crescimento da economia por tributar pesadamente a produção, o investimento e a poupança e, em muitos casos, até as exportações", diz Rogério Amato, presidente da ACSP e da Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo) e presidente-interino da CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil).

O painel

Implantado em 2005, o Impostômetro tem o objetivo de conscientizar o cidadão sobre a alta carga tributária e incentivá-lo a cobrar os governos por serviços públicos de qualidade. O painel está localizado na Rua Boa Vista, centro da capital. Pelo portal www.impostometro.com.br é possível fazer diversas consultas: descobrir o que dá para fazer com o dinheiro, quanto foi arrecadado num período ou num município, por exemplo.

O Impostômetro é uma conquista do Movimento das Associações Comerciais, que acompanha a questão tributária por meio de iniciativas e campanhas. Outra vitória é a Lei De Olho no Imposto (Lei 12.741/2012), que exige a discriminação dos impostos nas notas fiscais de produtos e serviços.

(Redação- Agência IN)