Fras-le ultrapassa a marca de R$ 1 bilhão em receita líquida

  •  
Fras-le ultrapassa a marca de R$ 1 bilhão em receita líquida Foto: Divulgação

A Fras-le é uma empresa em transformação. À medida que desdobra suas estratégias e amplia sua posição no mercado global, passa a contar com mais mercados, produtos e clientes, trazendo mais equilíbrio para os negócios. Os números de 2018 foram positivos, ultrapassando a marca do bilhão, e a expectativa para 2019 é otimista. A receita líquida consolidada cresceu 37%; o lucro bruto consolidado evoluiu 39,8%; o EBITDA avançou 72,8% e o lucro líquido consolidado aumentou 38% comparado ao ano anterior. Internacionalizada, com várias aquisições feitas entre 2017 e 2018, a Companhia registrou em 2018 exportações de US$ 84,3 milhões a partir do Brasil, representando um crescimento de 13,5% sobre 2017, o que elevou em 25,9% o seu faturamento em dólar no mercado externo, que somou US$ 163,0 milhões em 2018. 'Os dois últimos anos foram de crescimento acelerado, e este ritmo intenso de expansão resultou em ganhos de experiência e permitiu atingir um público consumidor maior', afirma o CEO Sérgio Carvalho, lembrando que a exposição internacional atualmente é superior a 50% das receitas da Companhia.

A receita líquida consolidada, em 2018, superou a escala dos milhões, atingindo a cifra de R$ 1.141,1 bilhão, representando uma evolução de 37,0% comparado aos R$ 832,8 milhões de 2017. Além das aquisições, a melhor performance das receitas também reflete os maiores volumes de vendas na maioria dos segmentos, nos principais mercados de atuação. O câmbio foi outro fator importante para a evolução das receitas, analisando no aspecto das exportações, pois o dólar médio de R$ 3,65 em 2018 apresentou elevação de 14,5%, comparado com os R$ 3,19 em 2017. Também a composição do mix de vendas de 2018 foi mais favorável na comparação com o ano anterior.

MERCADO EXTERNO - A performance das exportações mostrou um avanço em 2018, desempenho que só não foi melhor porque os volumes de vendas para alguns países foram impactados por fatores específicos de cada um, como é o caso da Argentina, onde a crise econômica se agravou e determinou forte redução da atividade econômica no país. Já as vendas para a América do Norte se mantiveram com excelente performance ao longo do ano, superando inclusive a previsão de vendas para a região, fato que corroborou com o desempenho econômico dos Estados Unidos em 2018, sendo que novas alianças comerciais e a renovação do contrato de fornecimento com o principal cliente também foram decisivos para este resultado. No Oriente Médio, a Fras-le também obteve um desempenho considerável em suas exportações, da mesma forma que as vendas para a América Central e para o Caribe. Com estes cenários, as exportações a partir do Brasil somaram US$ 84,3 milhões em 2018, representando um crescimento de 13,5% sobre 2017.

O faturamento em dólar no mercado externo, além de refletir os fatores que influenciaram as exportações, também agrega a receita das novas aquisições no exterior, atingindo em 2018 o montante de US$ 163,0 milhões, 25,9% maior do que em 2017. Considerando o total faturado no mercado externo em 2018, US$ 25,5 milhões correspondem às novas controladas adquiridas no exterior.

O lucro bruto consolidado de 2018, de R$ 303,6 milhões, apresentou evolução de 39,8% comparado aos R$ 217,2 milhões de 2017, e atingiu uma margem bruta de 26,6%, sendo que, além da combinação câmbio com os maiores volumes de vendas, também reflete neste desempenho a composição mais favorável do mix de produtos vendidos ao longo do ano. Quanto aos efeitos da contabilidade de hiperinflação na Argentina, o lucro bruto absorveu R$ 2,4 milhões negativo, considerando a diferença entre receita e custos ajustados.

Em 2018, o EBITDA consolidado somou R$ 183,9 milhões em 2018, um avanço de 72,8% sobre 2017, enquanto a margem EBITDA de 16,1% equivale a uma evolução de 3,4 pontos percentuais nas mesmas bases comparativas. Este desempenho contempla um ganho operacional no cálculo do valor justo na aquisição da controlada Jurid. 'No momento em que a Fras-le completa 65 anos de história é possível perceber o vigor que nela se perpetua. Não faltam exemplos para ilustrar este relato, mas o principal deles é a forte expansão ocorrida recentemente, através da consolidação das novas operações', ilustra Sérgio Carvalho.

Os investimentos somaram R$ 80,2 milhões em 2018, dos quais R$ 25,5 milhões utilizados na unidade da Fras-le em Caxias do Sul, e R$ 54,7 utilizados nas controladas. A Companhia esclareceu ainda que o valor de investimentos realizados contempla os valores de investimentos das novas controladas, que não estavam previstos no guidance inicial estimado em R$ 42,0 milhões. A empresa, que inova constantemente, informou também, que seu investimento em pesquisa e desenvolvimento foi superior a 2% da receita líquida em 2018.

Expansão e Aquisições - 2018 marcou a conclusão de projetos importantes de aquisições. O ano iniciou com a consolidação completa das aquisições das unidades na Argentina, Armetal e Farloc e também da Fanacif no Uruguai, adquiridas em dezembro de 2017. Já em janeiro, foi concluído a sociedade com a Federal Mogul que deu o controle de 80,1% da Jurid do Brasil à Fras-le. Este negócio havia sido iniciado em 2016 mas aguardou a aprovação do CADE neste tempo. Em fevereiro a Fras-le assinou com os indianos da ASK uma nova sociedade que formou a empresa ASK Fras-le, na Índia, da qual a Companhia detém 51%. Por fim, em outubro foi concluída a compra de 100% da FREMAX, uma das principais fabricantes de discos de freios com liderança no Brasil no segmento premium e com importante presença em mercados externos.

(Redação - Investimentos e Notícias)