Diretor da Petrobras nega relações com Paulo Roberto Costa

  •  
Diretor da Petrobras nega relações com Paulo Roberto Costa (Foto: Divulgação) Diretor da Petrobras nega relações com Paulo Roberto Costa

O atual diretor de Abastecimento da Petrobras, José Carlos Cosenza, disse não conhecer pessoalmente o doleiro Alberto Youssef e negou manter relações com o ex-diretor Paulo Roberto Costa, que lhe antecedeu no cargo. Cosenza, que depõe na condição de testemunha, disse desconhecer esquema de pagamento de propina em licitações da estatal.

“Desconheço isso, senhor presidente. Nunca ouvi falar disso”, repetiu várias vezes.

A CPI Mista ainda não teve acesso às informações passadas por Paulo Roberto Costa na delação premiada feita por ele com a Polícia Federal e o Ministério Público. O depoimento estava previsto para semana passada, mas o diretor da Petrobras apresentou um atestado médico para se declarar impossibilitado de comparecer.

As constantes negativas de Cosenza irritaram o deputado Rubens Bueno (PPS-PR).

“Não estamos diante de um diretor da Petrobras. Parece que não conhece a empresa, a diretoria, seu antecessor. Não sabe de nada”, ironizou.

Paulo Roberto Costa e Alberto Youssef são acusados de participar de uma série de crimes, entre eles corrupção e lavagem de dinheiro. Ambos foram presos pele Polícia Federal, na Operação Lava Jato, deflagrada em março deste ano. As informações são da Agência Senado.

(Redação – Agência IN)