BrasilAgro anuncia receita de vendas de R$317 mi

  •  
BrasilAgro anuncia receita de vendas de R$317 mi Foto: Divulgação BrasilAgro anuncia receita de vendas de R$317 mi

A BrasilAgro anunciou nesta quarta-feira, 06, o resultado consolidado do trimestre findo em 31 de dezembro de 2018 ('2T19'). Nos 6M19 a receita líquida de vendas foi de R$317,2 milhões, um aumento de 141,1% em relação ao mesmo período do ano anterior. Isso é resultado principalmente das receitas de vendas de fazenda de R$123,3 milhões (valor presente) da Fazenda Jatobá no 1T19 e de R$ 6,9 milhões (valor presente) da Fazenda Alto Taquari no 2T19.

Nos 6M19 a Companhia contabilizou a venda de mais uma parte da Fazenda Jatobá, propriedade agrícola localizada no município de Jaborandi, Bahia, e realizou a venda de uma parte da Fazenda Alto Taquari, propriedade agrícola localizada no município de Alto Taquari, Mato Grosso. Na primeira operação foram vendidos 9.784 hectares (7.485 hectares úteis), no valor nominal de R$ 173,8 milhões (R$ 23.767/ha útil) e, na segunda, foram vendidos 103 hectares (todos úteis), no valor nominal de R$ 7,9 milhões (R$ 77.690/ha útil). No mesmo período do ano anterior não houve contabilização de receita com vendas de propriedades.

Nos 6M19 o custo dos produtos vendidos foi de R$131,4 milhões. Devido aos ajustes do valor justo dos produtos agrícolas, as variações de custos unitários entre os exercícios estão diretamente ligadas aos preços de mercado das commodities no momento da sua colheita.

Além disso, a Companhia obteve R$2,9 milhões em despesas com vendas. O aumento de 39,1% em relação aos 6M18 é reflexo principalmente do aumento no volume de carga transportada - 32 mil toneladas de grãos - e da provisão de perda para devedores duvidosos (PDD) demonstrada na linha de outras despesas com vendas.

Nos 6M19, as despesas gerais e administrativas apresentaram um aumento de 15,5% em relação ao mesmo período do ano anterior, passando de R$14,8 milhões para R$17,1 milhões.

Contudo, obteve uma receita financeira de R$9,3 milhões nos 6M18 referentes renegociação da Fazenda Nova Buriti, resultando em juros de R$ 6,1 milhões positivos. Já nos 6M19 o resultado de juros foi de R$9,2 milhões negativos.

Em 31 de dezembro de 2018 e 30 de junho de 2018 os saldos da conta de empréstimos e financiamentos eram de R$285 milhões e R$276 milhões, respectivamente. O pagamento de juros e de principal somou R$48,3 milhões nos 6M19.

(Redação - Investimentos e Notícias)