Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 1017

Essencis inaugura Central de Tratamento e Valorização Ambiental

Empresa líder no mercado de soluções ambientais, com atuação em todo território nacional, a Essencis inaugura hoje, 12/3, uma Central de Tratamento e Valorização Ambiental (CTVA) na Zona da Mata, em Juiz de Fora, Minas Gerais, dando sequência a sua expansão geográfica no Brasil.

Linha Del Valle da Coca-Cola ganha embalagens com tecnologia verde

A Coca-Cola Brasil dá mais um passo rumo à sustentabilidade e torna-se pioneira mundial no uso de embalagens produzidas com polietileno verde pela Tetra Pak®. A novidade chega ao mercado em março, em todo o Brasil. Em breve, a tecnologia verde estará disponível no portfólio completo de embalagens cartonadas da Coca-Cola Brasil.

Reciclagem de lixo eletrônico vira oportunidade de mercado

A Coopermiti se tornou um exemplo nacional de cooperativa especializada em reciclagem de lixo eletrônico, fazendo da atividade um grande negócio. Com a obrigatoriedade de estruturação e implementação de sistemas de Logística Reversa e a disposição ambientalmente adequada dos resíduos, isso de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) sancionada em 2010, a Coopermiti espera uma melhora no setor. A PNRS institui diretrizes de como se destinar corretamente todo tipo de resíduos sólidos no Brasil, entre eles, é citado na lei o resíduo eletroeletrônico. A cooperativa espera grandes oportunidades de negócio porque imputa sobre fabricantes, importadores e grandes empresas, ou todo tipo de empresa, a responsabilidade de destinar corretamente os seus resíduos eletroeletrônicos.

Taxa de reciclagem das embalagens da Tetra Pak é crescente

Em 2013, mais de 71 mil toneladas de embalagens da Tetra Pak® foram recicladas. O volume representa um incremento de 9%, se comparado a 2012. Segundo Fernando von Zuben, Diretor de Meio Ambiente da Tetra Pak®, este número deve aumentar ainda mais com os avanços da implantação da Política Nacional de Resíduos Sólidos. “Atualmente 30% de toda produção segue para a reciclagem, sendo que o gargalo da cadeia ainda está na coleta seletiva. No entanto, esta taxa é crescente e dobrou de volume nos últimos 10 anos”, completa Fernando.

Assinar este feed RSS