Secovi-SP aponta aumento do número de ações locatícias na capital paulista

De acordo com dados do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) obtidos pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação), em março, foram protocoladas 1.481 ações relacionadas ao mercado de locação na capital paulista, um aumento de 4,4% em relação ao mês de fevereiro (1.419 ações). Em comparação com março de 2018, quando foram contabilizados 1.289 processos, a alta foi de 14,9%.

Imóveis econômicos impulsionaram o setor imobiliário em 2018, aponta Secovi-SP

De acordo com dados da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio) apresentados hoje pelo Secovi-SP, durante coletiva de imprensa, os lançamentos na cidade de São Paulo totalizaram 32,8 mil unidades residenciais em 2018, volume 4,0% superior às 31,4 mil unidades lançadas em 2017. O resultado manteve o ritmo de recuperação iniciado nos últimos meses de 2018 e superou a média histórica de 30 mil unidades por ano na capital paulista.

Levantamento do Secovi-SP aponta ligeira alta no número de ações locatícias

De acordo com dados do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) obtidos pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação), em outubro, foram protocoladas 1.316 ações relacionadas ao mercado de locação na capital paulista, um aumento de 12,7% em relação ao mês de setembro (1.168 ações). Em comparação com outubro de 2017, quando foram contabilizados 1.309 processos, houve uma ligeira alta de 0,5%.

Pesquisa do Secovi-SP aponta queda de 1,55% no valor do aluguel novo

A Pesquisa Mensal de Locação Residencial, elaborada mensalmente pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação), aponta um recuo no valor médio do aluguel residencial na cidade de São Paulo. No período de 12 meses (setembro de 2017 a agosto de 2018), a variação ficou 1,55%, percentual bem abaixo do IGP–M (Índice Geral de Preços – Mercado), da Fundação Getúlio Vargas, que apresentou variação de 8,89% no acumulado de 12 meses.

Assinar este feed RSS