Vendas do Tesouro Direto registram o melhor novembro de toda a história

  •  
Vendas do Tesouro Direto registram o melhor novembro de toda a história Foto: Divulgação

De acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira, 20, pelo Tesouro Nacional, a venda de títulos públicos a pessoas físicas somou R$ 1,865 bilhão em novembro.

Segundo o governo, o valor vendido por meio do programa Tesouro Direto registrou o melhor índice da história para o mês, superando o recorde que era de R$ 1,840 bilhão, ocorrido em novembro de 2016.

Em relação ao número de investidores ativos, a soma chegou a 1.172.771. Apenas no mês passado, 1.355 participantes passaram a investir em títulos públicos.

Já o número de investidores cadastrados , sendo ativos e não ativos, totalizou 5.431.958 pessoas.

Os títulos mais vendidos no período foram vinculados à inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Segundo o Tesouro, tais papéis concentraram 43,2% das vendas em novembro.

Em seguida vieram os papéis corrigidos pela taxa Selic, que responderam a 40% das vendas.

Em terceiro lugar ficaram os títulos prefixados (com juros definidos antecipadamente), que responderam por 16,8% das vendas. Enquanto que os investimentos de menor valor continuaram a liderar a preferência dos aplicadores. As vendas abaixo de R$ 1 mil concentraram 66,6% do volume aplicado no mês.

Já o estoque de títulos públicos aplicados no Tesouro Direto recuou 0,02% em relação a outubro, atingindo R$ 59,2 bilhões.

(Redação - Investimentos e Notícias)