Negociações de títulos privados no mercado secundário avançam

As operações com títulos privados no mercado secundário avançaram nos dez primeiros dias úteis de junho, de acordo com dados da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais). Na comparação ao mesmo período de maio, o volume de negócios com CRIs (Certificado de Recebíveis Imobiliários) cresceu 85%, de R$ 265 milhões para R$ 491 milhões, com alta de 6% no número de transações. Entre os CRAs (Certificados de Recebíveis do Agronegócio), o volume financeiro teve aumento de 5% (de R$ 589,3 milhões para R$ 616,3 milhões) e o número de operações saltou 9%. Quanto às debêntures, o volume financeiro foi ampliado em 14% (de R$ 3,1 bilhões para R$ 3,5 bilhões).

 

Assinar este feed RSS