Greve dos caminhoneiros impacta títulos públicos

  •  
Greve dos caminhoneiros impacta títulos públicos Foto: Divulgação Greve dos caminhoneiros impacta títulos públicos

A greve dos caminhoneiros tem reflexos no mercado de renda fixa. Desde quarta-feira, 23, o IMA, índice da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) que mostra as variações das carteiras de títulos públicos, registrou queda de 0,37%. Os índices de prazos mais longos apresentaram as perdas mais significativas: o IMA-B 5+, subíndice que é composto por NTN-Bs acima de cinco anos, e o IRF-M 1+, que acompanha os prefixados acima de um ano, recuaram 1,24% e 0,55% respectivamente.

A greve aumentou a incerteza e a volatilidade que vinham desde a última reunião do Copom, quando houve a manutenção da Selic a 6,5%. O Tesouro Nacional cancelou os leilões de venda de NTN-Bs, LTNs e NTN-Fs previstos para esta semana para evitar uma maior oscilação dos preços e, em contrapartida, anunciou novos leilões diários de compra e de venda das NTN-Fs para dar referência de preços desses papéis ao mercado, com vencimentos em 1/1/25, 1/1/27 e 1/1/29.

(Redação - Investimentos e Notícias)