Anvisa aprova genérico para tratamento do câncer de mama

A Agência Nacional de Vigilância em Saúde (Anvisa) aprovou o primeiro medicamento genérico com a substância everolimo. O remédio é indicado para o tratamento de diversos tipos de câncer, incluindo câncer de mama em estágio avançado, tumores neuroendócrinos e câncer de rim.

Anvisa proíbe fabricação de cosméticos sem registro

A Anvisa proibiu, nesta quinta-feira, 19, a fabricação e comercialização do cosmético The First Shampoo 2.0 Sweet Profissional. O produto, fabricado pela empresa Titânia Indústria de Cosméticos Ltda EPP, não possui registro ou notificação na Anvisa.

  • Publicado em Saúde

Rio descarta suspeita de sarampo em quatro casos

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro descartou a possibilidade de sarampo em quatro dos 17 casos suspeitos que estavam sendo analisados. De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Cristina Lemos, apenas 13 casos continuam em análise, incluindo uma jovem que já teve um resultado preliminar positivo para a doença mas que ainda aguarda confirmação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Número de atendimentos por doença respiratória cresce em SP

Os atendimentos nas unidades de saúde da cidade de São Paulo aumentaram cerca de 30% devido às doenças respiratórias que se desenvolvem no período entre o outono e o inverno, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. A capital paulista registra queda na temperatura e baixa umidade relativa do ar, situação agravada pela poluição atmosférica.

SP ganha reforço de R$ 99 milhões do Ministério da Saúde

A capital paulista vai receber reforço de R$ 99 milhões para o Bloco de custeio de Média e Alta Complexidades Ambulatorial e Hospitalar (MAC). O anúncio foi feito nesta quinta-feira (5) pelo ministro da Saúde, Gilberto Occhi, na prefeitura de São Paulo, em solenidade com a presença do prefeito João Doria e autoridades. Em 2017, o Ministério destinou R$ 1,3 bilhão para financiamento desses procedimentos na capital paulista.

Ministério da Saúde abre 3.592 vagas para profissionais temporários

O Departamento de Gestão Hospitalar (DGH) e o Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Rio de Janeiro (NEMS/RJ) informam que estão abertas as inscrições para o novo processo seletivo simplificado para a contratação de 3.592 profissionais para a manutenção da força de trabalho nos hospitais federais do Andaraí, Bonsucesso, Ipanema, Lagoa, Servidores do Estado e Cardoso Fontes, além dos institutos nacionais de Cardiologia (INC) e de Traumatologia e Ortopedia (Into), todos de administração direta do Ministério da Saúde.


Os contratos terão prazo de seis meses, podendo ser prorrogados por até dois anos, a partir da primeira contratação no 5º certame. Os candidatos terão de 03/04 a 30/04/2018 para realizar a inscrição neste link.

Saúde investirá R$ 750 milhões em produção de radiofármacos

O Ministério da Saúde e a Amazônia Azul Tecnologias de Defesa (Amazul) serão parceiros no desenvolvimento do primeiro Reator Multipropósito Brasileiro (RMB). O acordo será assinado nesta terça-feira (27/03), durante a 15ª Reunião do Grupo Executivo do Complexo Industrial da Saúde (GECIS). 

Assinar este feed RSS