Em setembro, taxa de juros do cheque especial tem leve alta

Pesquisa de taxa de juros realizada pela Fundação Procon-SP, em 4 de setembro, constata que a taxa de juros do cheque especial apresentou leve alta; no empréstimo pessoal não houve mudança. Fazem parte da pesquisa os seguintes bancos: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander.

Mudanças nas regras do cheque especial tendem a reduzir juros

A Febraban - Federação Brasileira dos Bancos anunciou no mês de abril que a partir de 1º de julho quem utilizar mais de 15% do limite disponível no cheque especial por um período de 30 dias receberá do banco uma proposta para substituir essa dívida por uma outra, de modalidade com juros menores. Diferentemente, no entanto, das mudanças das regras do cartão de crédito que entraram em vigor em abril de 2017, que se aplica para todos que entram no rotativo, a medida para o cheque especial ficará a critério do cliente aceitar ou não a proposta para migrar a dívida.

Taxa de juros de cheque especial cai para 321% ao ano

A taxa de juros do cheque especial caiu em abril, de acordo com dados do Banco Central (BC) divulgados hoje (28). A taxa agora é de 321% ao ano, com redução de 3,7 pontos percentuais em relação a março, quando atingiu 324,7%. O valor de abril é o menor desde agosto de 2017, quando ficou em 317,3% ao ano.

Bancos aprovam novas regras para cheque especial

O conselho de autorregulação da FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos aprovou novas diretrizes que aperfeiçoam o uso do cheque especial. Elas asseguram a oferta de alternativas de liquidação do saldo devedor com encargos financeiros em condições mais vantajosas, para reduzir o custo do crédito ao cliente bancário, e ampliam a transparência no uso do produto, com informações mais detalhadas sobre a contratação e o grau de comprometimento dos recursos pelo consumidor.

Taxa de juros de empréstimo pessoal tem leve queda em janeiro, aponta Procon-SP

Pesquisa de taxa de juros realizada pela Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, em 8 de janeiro, aponta que a taxa de juros do empréstimo pessoal apresentou leve queda; no cheque especial não houve mudança. Fazem parte da pesquisa os seguintes bancos: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander.

Taxas de juros se mantém em janeiro, aponta pesquisa do ProconSP

Pesquisa de taxas de juros realizada pelo Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, em 4 de janeiro, aponta que, todas as seis instituições financeiras que fazem parte do levantamento (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander) mantiveram a taxa do empréstimo pessoal do cheque especial.

Assinar este feed RSS