Preço de venda de salas comerciais recua 2,94% em 12 meses

O preço médio de venda de imóveis comerciais encerrou agosto de 2019 com queda de 0,45%, enquanto o preço médio de locação de salas e conjuntos comerciais encerrou o período com estabilidade (+0,01%) em relação a julho. Comparativamente, a inflação medida pelo IPCA (IBGE) registrou alta de 0,11% no último mês, enquanto o IGP-M (FGV) apresentou variação negativa de 0,67% no mesmo período. 

Títulos públicos atingem a menor rentabilidade dos últimos 12 meses

Segundo dados da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), os títulos públicos apresentaram em agosto o menor retorno dos últimos 12 meses. A rentabilidade do IMA-Geral, índice que acompanha a variação média desses papéis em mercado, foi de 0,16% no mês e de 9,12% no acumulado de 2019.

Debêntures representam quase metade das emissões em 2019

As debêntures já representam quase metade do volume de emissões no mercado de capitais brasileiro neste ano. De janeiro a agosto, as empresas levantaram R$ 117,4 bilhões com esses instrumentos, o que equivale a 48,9% do montante total (R$ 240,1 bilhões), de acordo com a ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais). Na comparação ao mesmo período do ano passado, o avanço das ofertas de debêntures foi de 7,3%.

Captação líquida dos fundos de ações cresce 99%

Os fundos de ações alcançaram captação líquida de R$ 38,8 bilhões entre janeiro e agosto deste ano. Dados da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) mostram que o volume é quase o dobro dos R$ 19,5 bilhões registrados no mesmo período de 2018. Apenas em agosto, os ingressos líquidos desses produtos somaram R$ 7,4 bilhões, maior captação da classe para este ano.

Carteira recomendada da Toro Investimentos para setembro

No início do mês de agosto foi possível observar que a Bolsa brasileira ainda refletiu a redução na taxa de juros mundo à fora. No entanto, a entrada de fluxo comprador foi interrompida quando os atritos comerciais entre Estados Unidos e China voltaram a direcionar o mercado, com o presidente estadunidense anunciando novas tarifas sobre as exportações chinesas, jogando o Ibovespa para baixo dos 96 mil pontos.

Indústria brasileira de fundos tem captação líquida de R$ 26,2 bi

A indústria brasileira de fundos de investimento teve captação líquida de R$ 26,2 bilhões entre os dias 1º e 16 de agosto, de acordo com as estatísticas da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais). No ano, até 16 de agosto, a indústria de fundos acumula captação líquida de R$ 194,3 bilhões.

(Redação - Investimentos e Notícias)

Assinar este feed RSS