IGP-10 registra alta de 1,86% em junho

O Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) variou 1,86% em junho, percentual superior à alta de 1,11% registrada em maio, segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV). Com este resultado, o índice acumula alta de 5,09% no ano e de 6,17% em 12 meses. Em junho de 2017, o índice havia caído 0,62% e acumulava alta de 0,08% em 12 meses. 

INPC varia 0,43% em maio

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) apresentou variação de 0,43% em maio e ficou 0,22 p.p. acima da taxa de 0,21% de abril, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O acumulado no ano registrou 1,12% seu menor nível em um mês de maio desde 2000 quando o acumulado foi de 0,83%. O acumulado dos últimos doze meses foi de 1,76%, ficando acima do 1,69% registrado nos 12 meses imediatamente anteriores. Em maio de 2017, o INPC havia sido 0,36%.

Confiança do consumidor fica estável em maio

O Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (INEC) mantém-se inalterado, na passagem de abril para maio, em 102,2 pontos, segundo dados da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O índice permanece em um patamar baixo: 5,2% inferior à sua média histórica.

Confiança do consumidor paulistano sobe 3,2%

Após duas quedas consecutivas, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) do município de São Paulo registrou alta de 3,2%, ao passar de 109,9 pontos em abril para 113,5 pontos em maio. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, a elevação foi de 9,7%. O ICC é elaborado mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), e a escala de pontuação varia de zero (pessimismo total) a 200 pontos (otimismo total).

Demanda do consumidor por crédito cresce 15,2%

De acordo com o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito, a quantidade de pessoas que buscou crédito cresceu 15,2% no acumulado dos primeiros quatro meses de 2018. Somente em abril/18, a alta interanual, isto é, em relação ao mesmo mês do ano passado foi de 23,9% (porém este resultado foi impactado pela maior quantidade de dias úteis em abril deste ano, 21 contra 18 em abril de 2017). Já com relação a março/18, a demanda do consumidor por crédito apresentou pequeno recuo de 0,3%.

Confiança do consumidor paulistano cai 4,9% em abril

Após uma série de cinco altas, a confiança do consumidor da capital paulista registrou retração pelo segundo mês consecutivo. O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 4,9%, ao passar de 115,6 pontos em março para 109,9 pontos em abril. No comparativo anual, o ICC registrou leve alta de 0,9%.

Assinar este feed RSS