Produção de bicicletas avança 31,7% em julho

As fabricantes de bicicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) produziram 67.068 unidades em julho, volume 31,7% superior em relação a junho passado (50.929 unidades). Na comparação de julho deste ano com o mesmo mês do ano passado (64.966 unidades), a produção cresceu 3,2%, conforme dados divulgados pela ABRACICLO – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

Indústria de Bicicletas Aumenta a Produção em 10,7% no 1º Semestre

As fabricantes de bicicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) produziram de janeiro a junho deste ano um total de 327.850 unidades, correspondendo a uma expansão de 10,7% sobre as 296.275 unidades fabricadas no mesmo período de 2017, conforme dados divulgados pela ABRACICLO – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares. Estas fabricantes são responsáveis pelos produtos de 10 marcas: Caloi, Cannondale, GT, Schwinn, Houston, Audax, Sense, Sense e-bikes (elétricas), Oggi e Ox.

al (662).

Indústria de bicicletas cresce 8,6% no 1º Trimestre

As indústrias de bicicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) fecharam o primeiro trimestre com saldo positivo. Dados da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares mostram que, entre os meses de janeiro e março, saíram das linhas de produção 158.699 bicicletas, volume 8,6% superior ao registrado no mesmo período de 2017 (146.097 unidades). 

Produção de bicicletas cresce 49,8% em janeiro

As indústrias de bicicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) produziram 52.211 unidades em janeiro, o que representa alta de 49,8% sobre o mesmo período de 2017 (34.849). Na confrontação com dezembro, o aumento foi de 138,6% sobre as 21.879 bikes fabricadas no último mês do ano passado, porém é justificado pelo fato de as fábricas estarem em férias coletivas em parte daquele período. Os dados são da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

Produção de bicicletas deverá fechar 2017 com estabilidade

Em novembro foram produzidas no Polo Industrial de Manaus (PIM) 77.254 bicicletas, alta de 2,9% sobre as 75.050 unidades registradas em outubro. Os números também foram positivos na comparação com novembro de 2016, o que demonstra crescimento de 12,2% na comparação com as 68.850 unidades fabricadas no mesmo mês do ano passado. Os dados são da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

Produção de bicicletas cresce em agosto

Segundo dados divulgados pela ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, em agosto foram produzidas 72.321 bicicletas por suas associadas no Polo Industrial de Manaus (PIM), volume 11,3%% superior ao registrado em julho, com 64.966 unidades. Na comparação com agosto passado, apresentou estabilidade.

Produção de bicicletas tem queda em junho

Segundo dados divulgados pela ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, em junho foram produzidas 40.708 bicicletas por suas associadas no Polo Industrial de Manaus (PIM), volume 32,4%% inferior ao registrado em maio, com 60.195 unidades, e 36,7% menor ao mesmo mês de 2016 (64.338). A redução da produção no mês reflete, em parte, a antecipação de férias coletivas em uma das maiores fabricantes de bicicletas de Manaus.

Seguro roubo e furto de bicicletas

A bicicleta tem caído cada vez mais no gosto dos brasileiros. No Brasil, o número de pessoas que usa a bicicleta para o esporte e para trabalhar só aumenta. Segundo dados Abraciclo, este ano a produção de bicicletas deve crescer 19% ante 2016, para 797 mil unidades. Atualmente, a frota nacional é de mais de 70 milhões. Além de usar a bicicleta para lazer e transporte, a implementação de ciclovias tem incentivado muitas pessoas a trocarem o transporte público pela “magrela”.

Assinar este feed RSS