IPCA-15 fica em 0,30% em julho e acumula alta de 0,67% no ano

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) apresentou alta de 0,30% em julho, após o resultado de 0,02% registrado em junho, divulgou nesta sexta-feira (24) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No ano, o IPCA-15 acumula alta de 0,67% e, nos últimos 12 meses, a variação acumulada foi de 2,13%, acima dos 1,92% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em julho de 2019, a taxa havia sido de 0,09%.

Indústria recuou 21,9% na comparação com maio de 2019, diz IBGE

Na comparação com maio de 2019, o setor industrial recuou 21,9% em maio de 2020, com resultados negativos nas quatro grandes categorias econômicas, 22 dos 26 ramos, 72 dos 79 grupos e 81,9% dos 805 produtos pesquisados, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além do efeito-calendário negativo, já que maio de 2020 (20 dias) teve dois dias úteis a menos do que igual mês do ano anterior (22), observa-se a clara diminuição do ritmo da produção devido à influência dos efeitos do isolamento social, que afetou o processo de produção de várias unidades produtivas no país.

Produção industrial avança 7,0% em maio de 2020

Em maio de 2020, a produção industrial cresceu 7,0% frente a abril de 2020 (série com ajuste sazonal), interrompendo dois meses de resultados negativos consecutivos: -9,2% em março e -18,8% em abril, divulgou nesta quinta-feira (02) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação a maio de 2019 (série sem ajuste sazonal), a indústria recuou 21,9%, sétimo resultado negativo seguido nesse tipo de comparação e a segunda queda mais elevada desde o início da série histórica, atrás apenas de abril de 2020 (-27,3%). No ano, a indústria acumulou queda de 11,2%. Em 12 meses, o recuo foi de 5,4%, o mais intenso desde dezembro de 2016 (-6,4%).

IPCA-15 fica em 0,22% em fevereiro, aponta IBGE

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) foi de 0,22% em fevereiro, o menor resultado para o mês desde o início do Plano Real (1994), e ficou 0,49 ponto percentual (p.p.) abaixo da taxa de janeiro (0,71%), divulgou nesta quinta-feira (20) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2019, a taxa para fevereiro havia sido de 0,34%. O índice acumula no ano alta de 0,93% e, nos últimos 12 meses, de 4,21%. Dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados, três apresentaram deflação em fevereiro.

  • Publicado em Economia

Índice de Preços ao Produtor sobe 1,43% em maio, aponta IBGE

Em maio de 2019, os preços da indústria variaram 1,43% em relação a abril, acima do observado entre abril e março de 2019 (1,22%), divulgou nesta quarta-feira (03) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação a abril de 2019, 18 das 24 atividades apresentaram variações positivas de preços. Em maio de 2018, o resultado havia sido 2,55%. O acumulado no ano chegou a 3,99% e nos 12 meses, a 7,36%.

Em 2019, indústria acumula -0,7%, diz IBGE

No índice acumulado para janeiro-maio de 2019, frente a igual período do ano anterior, o setor industrial caiu 0,7%, com resultados negativos em uma das quatro grandes categorias econômicas, 10 dos 26 ramos, 41 dos 79 grupos e 48,6% dos 805 produtos pesquisados, informou nesta terça-feira (02) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Produção industrial cresce 7,1% em relação a maio de 2018

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na comparação com maio de 2018, o setor industrial cresceu 7,1%, com resultados positivos nas quatro grandes categorias econômicas, 21 dos 26 ramos, 66 dos 79 grupos e 68,0% dos 805 produtos pesquisados. Vale citar que maio de 2019 (22 dias) teve um dia útil a mais do que igual mês do ano anterior (21).

Assinar este feed RSS