Indicador de Incerteza volta a subir

  •  
Indicador de Incerteza volta a subir (Foto: Pexels) Indicador de Incerteza volta a subir

A Fundação Getulio Vargas (FGV) anunciou nesta quarta-feira, 28, que o Indicador de Incerteza da Economia (IIE-Br) subiu 5,8 pontos entre julho e agosto de 2019, para 114,2 pontos. Em médias móveis quadrimestrais, o indicador recuou em 0,8 ponto.

De acordo com Aloisio Campelo Jr, Superintendente de Estatísticas Públicas da FGV IBRE, após recuar expressivamente no mês anterior, o Indicador de Incerteza volta a subir e a ocupar um patamar elevado em termos históricos. “Enquanto no mês anterior a queda havia sido influenciada por notícias favoráveis no âmbito interno, como a aprovação em primeiro turno da Reforma da Previdência na Câmara, neste mês a alta parece ter uma forte relação com acontecimentos externos, como o aprofundamento da guerra comercial entre EUA e China e a piora das perspectivas de crescimento econômico mundial“, disse.

A alta do IIE-Br em agosto ocorreu a despeito de evoluções em sentido contrário de seus dois componentes. O componente de Mídia, com maior peso, subiu 9,4 pontos, para 114,4 pontos, contribuindo em 8,2 pontos para o resultado agregado. O componente de Expectativa registrou queda de 10,7 pontos, para 107,9 pontos, contribuindo com -2,4 pontos no comportamento final do indicador.

(Redação – Investimentos e Notícias)