Brasil registra 131.010 postos de trabalho em julho

  •  
Brasil registra 131.010 postos de trabalho em julho (Foto: Divulgação) Brasil registra 131.010 postos de trabalho em julho

De acordo com o Novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), o emprego celetista no Brasil apresentou expansão em julho de 2020, registrando saldo de 131.010 postos de trabalho. Esse resultado decorreu de 1.043.650 admissões e de 912.640 desligamentos.

O estoque, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, em julho de 2020 contabilizou 37.717.045 vínculos, o que representa uma variação de 0,35% em relação ao estoque do mês anterior.

No acumulado do ano de 2020, foi registrado saldo de -1.092.578 empregos, decorrente de 7.821.801 admissões e de 8.914.379 desligamentos (com ajustes até julho de 2020).

Em julho/2020, os dados registraram saldo positivo no nível de emprego em 4 (quatro) dos 5 (cinco) Grupamentos de Atividades Econômicas. Registraram saldo positivo os grupamentos: Indústria geral (+53.590 postos) concentrados na Indústria de Transformação (+53.068 postos), Construção (+41.986 postos), Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas (+28.383 postos) e Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura (+23.027 postos). Registrou saldo negativo o grupamento de Serviços (-15.948) distribuído principalmente nas atividades de alojamento e alimentação (-24.949 postos).

Regiões

Verificou-se em julho/2020 que as 5 (cinco) regiões brasileiras apresentaram saldo positivo: 
Sudeste (+34.157 postos, +0,18%); 
Nordeste (+22.664 postos, +0,37%); 
Sul (+20.128 postos, +0,29%); 
Centro-Oeste (+14.084 postos, +0, 0,44%); e
Norte (+13.297 postos, +0,76%).

Salário

Para o conjunto do território nacional, o salário médio de admissão em julho/2020 foi de R$1.709,71. Comparado ao mês anterior, houve aumento de R$6,03 no salário médio de admissão, uma variação real de 0,35%.

(Redação - Investimentos e Notícias)