IBGE prevê alta de 5,9% na safra de grãos de 2019

Em agosto, a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas para 2019 foi estimada em 239,8 milhões de toneladas, novo recorde para a produção de grãos do país, 5,9% superior à safra de 2018 (mais 13,3 milhões de toneladas) e estável (0,0%) em relação à divulgada em julho (mais 108,1 mil toneladas), segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

  • Publicado em Economia

Taxa de desocupação é de 12,0% no trimestre, segundo IBGE

No trimestre encerrado em junho de 2019, a taxa de desocupação (12,0%) recuou 0,7 pontos percentuais (p.p.) em relação ao trimestre de janeiro a março de 2019 (12,7%) e caiu 0,4 p.p. na comparação com o mesmo trimestre de 2018 (12,4%), segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

IBGE prevê alta de 4,2% na safra de grãos de 2019

Em junho, a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas para 2019 foi estimada em 236,0 milhões de toneladas, 4,2% superior à safra de 2018 (mais 9,5 milhões de toneladas) e 0,6% acima da divulgada em maio (mais 1,3 milhão de toneladas), segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Já a estimativa da área a ser colhida foi de 62,8 milhões de hectares, 3,0% maior que a de 2018 (mais 1,8 milhão de hectares) e 0,3% maior do que a do mês anterior (mais 171,8 mil hectares).

IPCA-15 varia 0,06% em junho e acumula alta de 2,33% no ano

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) variou 0,06% em junho, desacelerando em relação a maio (0,35%), divulgou nesta terça-feira (25) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa de 0,06% foi a menor para um mês de junho desde 2006 (-0,15%). O IPCA-E, que é o IPCA-15 acumulado trimestralmente, foi de 1,13%, abaixo da taxa de 1,46% para igual período de 2018. O IPCA-15 acumula alta de 2,33% no ano e de 3,84% em 12 meses, resultado abaixo dos 4,93% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em junho de 2018, a taxa foi de 1,11%.

Índice de preços ao produtor cresce 1,27% em abril

Os preços da indústria geral variaram 1,27% em abril, resultado inferior ao observado em março (1,59%), segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Nessa mesma comparação, 22 das 24 atividades apresentaram variações positivas de preços, contra 19 do mês anterior. Em abril de 2018, o resultado havia sido 1,58%. O acumulado no ano chegou a 2,57% e nos 12 meses, a 8,61%. 

Desocupação cresce em 14 das 27 UFs no 1T19

No Brasil, a taxa de desocupação no 1º trimestre de 2019 foi de 12,7%, 1,1 ponto percentual acima do trimestre anterior (11,6%) e 0,4 p.p ponto percentual abaixo do 1º trimestre de 2018 (13,1%), segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As maiores taxas foram observadas no Amapá (20,2%), Bahia (18,3%) e Acre (18,0%), e a menores, em Santa Catarina (7,2%), Rio Grande do Sul (8,0%) e Paraná e Rondônia (ambos com 8,9%).

IBGE prevê alta de 1,6% na safra de grãos de 2019

Em março, a produção de cereais, leguminosas e oleaginosas para 2019 foi estimada em 230,1 milhões de toneladas, 1,6% acima da safra de 2018 (mais 3,6 milhões de toneladas) e 0,6% superior ao obtido na 2ª estimativa (mais 1,3 milhão de toneladas). Já a área a ser colhida é de 62,3 milhões de hectares, 2,3% maior que a de 2018 (mais 1,4 milhão de ha) e 0,6% maior que a 2ª estimativa (mais 399,4 mil ha).

Assinar este feed RSS