Setores imobiliário e da construção civil são os mais afetados pela crise

Setores imobiliário e da construção civil serão os mais afetados pelo cenário econômico instável. É o que aponta um estudo realizado pela rede global de empresas independentes, KPMG. Esta aferição foi feita após uma reunião durante um evento com executivos, investidores e empresários, dos quais 28% deste total chegaram a essa conclusão.

Perspectivas sobre desempenho da construção seguem baixas

As perspectivas dos empresários da indústria da construção seguem pessimistas, de acordo com a 59ª Sondagem Nacional da Indústria da Construção Civil, realizada pelo SindusCon-SP e pela FGV. Em maio, a percepção dos empresários com relação ao desempenho atual de suas construtoras recuou 9,2% ante a pesquisa anterior e 9,9% em 12 meses.

Índice Nacional da Construção Civil sobe em maio

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia  e Estatística (IBGE) em parceria com a CAIXA, apresentou variação de 1,06% em maio, ficando 0,60 ponto percentual acima da taxa de abril (0,46%). Considerando o período de janeiro a maio, o resultado foi de 3,07%, enquanto o acumulado dos últimos 12 meses situou-se em 7,28%. 

Assinar este feed RSS