Abecs diz que medida permitirá maior controle do consumidor

A Abecs (Associação das Empresas de Cartões) entende que a fixação do prazo de permanência do cliente no crédito rotativo para o máximo de 30 dias, aliada à disponibilização automática de alternativas de financiamento por meio do cartão, como o parcelamento da fatura, é uma medida que permitirá maior controle do consumidor e menor comprometimento da sua renda mensal, proporcionando, assim, uma potencial redução da inadimplência e estimulando condições de mercado mais propícias para uma convergência da taxa de juros para patamares compatíveis com aqueles praticados no parcelamento da fatura.

Alelo espera um crescimento de 37% nas vendas do cartão Alelo Natal

A Alelo, empresa líder no setor de benefícios e cartões pré-pagos, aposta nas festas de fim de ano como uma oportunidade para o seu negócio. A expectativa da empresa é crescer dois dígitos nas vendas do Alelo Natal e atingir 37% de incremento no faturamento do produto em relação ao ano passado.

Mastercard lança projeto piloto para aceitação do cartão sem contato no transporte público

A Mastercard em parceria com emissores, operadoras de transporte, empresas de bilhetagem e adquirentes, anuncia o início do projeto piloto que permitirá aos usuários do transporte público utilizar cartões de crédito, débito e pré-pago da Mastercard que tenham a função de pagamento por aproximação (sem contato). Também poderão ser utilizados cartões registrados em carteiras digitais de celulares.

Venda com cartão evita prejuízo de R$ 12 bilhões com cheques devolvidos no 1º semestre

Estudo da Abecs, com base em dados do Banco Central, revela que a substituição de cheques por cartões de crédito e débito nos últimos anos tem reduzido o prejuízo do comércio e do setor de serviços causado pela devolução de cheques. Isso porque, ao realizar suas vendas por meio de cartões, o lojista elimina o risco de ter transações “sem fundo”, diferentemente dos pagamentos com cheque. De acordo com o estudo, a substituição ocorrida nos últimos oito anos ajudou a evitar uma perda de quase R$ 12 bilhões apenas nos seis primeiros meses de 2016.

Cartão Elo passa a ser aceito nas máquinas Bin e Sipag

Os cartões Elo agora serão aceitos nas máquinas Bin e Sipag. Resultado de um acordo entre a Elo, primeira bandeira 100% brasileira, e a First Data, maior empresa de meios de pagamento do mundo, esse é um novo passo do processo de expansão da rede de aceitação da Elo no Brasil.

Assinar este feed RSS